João Pessoa 16/07/2018 19:51Hs

Início » Notícias » Manoel Jr. endossa decisão do PMDB e cobra postura de Veneziano: ‘Se continuar assim, é mais fácil sair do partido’

Manoel Jr. endossa decisão do PMDB e cobra postura de Veneziano: ‘Se continuar assim, é mais fácil sair do partido’

Vice-prefeito destacou que filiados têm obrigação de seguir as orientações partidárias

O  vice-prefeito de João Pessoa evitou polemizar em torno da decisão do PMDB de retaliar o deputado Veneziano Vital do Rêgo pelo voto favorável à abertura do processo de investigação contra o presidente Michel Temer. Manoel Júnior avaliou que “só ele (Veneziano) poderia comentar o assunto”, mas salientou que os integrantes da legenda têm obrigação de seguir as diretrizes partidárias.

“O partido tomou a deliberação que não é restrita a Veneziano, mas a todos os parlamentares que se mostraram contra o fechamento de questão. Quando o partido fecha questão sobre um determinado assunto cabe aos filiados e detentores de mandato cumpri-la. Como não foi feito, obviamente houve uma punição e espero que Veneziano possa rapidamente resolver isso nas hostes do partido”, afirmou. Manoel Júnior garantiu que mantém uma boa relação com o colega apesar das divergências internas.

O vice-prefeito voltou a destacar a postura do PMDB no estado e instigou o correligionário a seguir o posicionamento atual. “Ele tem se posicionado contra o direcionamento do partido – que está no campo das oposições e deve permanecer nele. Não sei se ele vai divergir no processo eleitoral. Espero que não”, sugeriu. Ao avaliar sua insatisfação com o peemedebista, Manoel Júnior lembrou a campanha que realizou pelo colega para o governo do estado, disse que não imagina a mudança de postura de Veneziano e deu um ultimato: “Se ele continuar com o posicionamento é mais fácil sair do partido e ir para um outra legenda que possa estar mais próxima do governo do estado, porque o PMDB estará no campo das oposições”, finalizou.

Blog do Gordinho