João Pessoa 24/06/2018 22:36Hs

Início » Notícias » Polícia Federal indicia diretores de empreiteiras por cinco crimes

Polícia Federal indicia diretores de empreiteiras por cinco crimes

O MPF deve receber nesta quarta-feira a delação premiada do doleiro Alberto Youssef

PETROBRÁS 1A Polícia Federal indiciou os diretores e executivos presos na sétima fase da Operação Lava Jato por crimes de corrupção ativa, lavagem de dinheiro, fraude à licitação, falsificação de documentos e falsidade ideológica. Das construtoras Queiroz Galvão e Galvão Engenharia, são citados pelos investigadores Ildefonso Colares Filho, Erton Medeiros Fonseca, e Othon Zanoide de Moraes Filho.

Da cúpula da OAS, foram indiciados Agenor Magalhães Medeiros, José Aldemário Filho, Léo Pinheiro, Mateus de Sá Oliveira, Alexandre Portela Barbosa e José Nogueira Breghirolli. O lobista Fernando Falcão Soares também foi indiciado.

O MPF deve receber nesta quarta-feira a delação premiada do doleiro Alberto Youssef. Ele acrescentou novos nomes de políticos suspeitos. Em depoimento na CPMI da Petrobras, o ex-diretor de Abastecimento da estatal Paulo Roberto Costa afirmou que “há dezenas de políticos” envolvidos no esquema criminoso entranhado na petroleira.

 

Correio Braziliense