João Pessoa 21/04/2018 07:18Hs

Início » Notícias » Santos vence, segue no G-4 e complica o Palmeiras

Santos vence, segue no G-4 e complica o Palmeiras

Peixe faz 2 a 1 na Vila Belmiro e abre 5 pontos de vantagem para o rival, que caiu para a 9ª posição

ricardo vence mais umaNa “prévia” da decisão da Copa do Brasil, o Santos derrotou o Palmeiras por 2 a 1, na Vila Belmiro, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado manteve o Peixe na quarta posição da competição e complicou o alviverde, que caiu para o 9º lugar, 5 pontos atrás do G-4.

Debaixo de muita chuva, as duas equipes sofreram para controlar a posse de bola no início do jogo, tanto que a primeira boa chance foi na bola parada. Aos 13 minutos, Lucas Lima cobrou falta na área e David Braz cabeceou com perigo à esquerda do gol de Fernando Prass.

Aos poucos, o Santos foi dando velocidade ao jogo e conseguiu abrir o placar no contra-ataque. Aos 27, Lucas Lima abriu para Zeca, que cruzou na medida para Thiago Maia. O volante apareceu livre na área e finalizou de primeira sem chances para Prass. 1 a 0.

Com dificuldades na criação, o Palmeiras só assustou Vanderlei aos 41 minutos. Dudu armou a jogada e passou para Robinho, que rolou para Matheus Salles chegar batendo. A bola desviou na zaga e bateu no travessão.

Nos acréscimos, as duas equipes perderam duas chances claras. Aos 47, Robinho ficou com a sobra livre na pequena área, mas pegou mal na bola e mandou por cima do gol. Já no lance seguinte, no contra-ataque, Gabriel limpou Fernando Prass e bateu. Vitor Hugo tirou em cima da linha, mas a bola voltou para o atacante do Santos, que chutou pra fora sem goleiro de maneira inacreditável.

Na volta do intervalo, o Peixe ampliou a vantagem logo aos 3 minutos. Gabriel fez cruzamento perfeito para Ricardo Oliveira, que conseguiu se livrar da marcação e completou de cabeça na pequena área: 2 a 0. Foi o 20º gol do artilheiro do Brasileirão no torneio.

Em desvantagem, o Palmeiras foi pra cima e ofereceu várias oportunidades de contra-ataque ao Santos, que não conseguiu matar o jogo. Aos 29, em uma das raras trocas de passes do ataque palmeirense, Dudu tabelou com Barrios e contou com o desvio da zaga para diminuir: 2 a 1.

O gol animou a equipe de Marcelo Oliveira, que se abriu e voltou a dar contra-ataque ao rival. O Santos teve pelo menos mais duas grandes oportunidades para marcar o terceiro, mas Fernando Prass segurou tudo lá atrás.

Quando o Palmeiras esboçava uma pressão nos minutos finais, Cristaldo acertou uma cotovelada em Gustavo Henrique, foi expulso e praticamente encerrou as chances do empate.

Na próxima rodada, o Santos visita o Joinville em Santa Catarina. Já o Palmeiras recebe o Vasco no Allianz Parque.

Band