João Pessoa 19/06/2018 20:24Hs

Início » Notícias » Sul-Americana: Boca erra pênalti, River vence e vai à final

Sul-Americana: Boca erra pênalti, River vence e vai à final

Triunfo por 1 a 0 deu ao River o primeiro mata-mata vencido contra o Boca em torneios internacionais. Decisão contra o Nacional começa na próxima quarta

river classificadoO River Plate encerrou uma freguesia histórica e voltou à final da Copa Sul-Americana ao vencer nesta quinta-feira seu principal rival, o Boca Juniors, por 1 a 0, no Estádio Monumental de Nuñez, em um duelo considerado como um campeonato à parte para as duas equipes. O River contou com a sorte e a própria competência para sair com a vaga na decisão. No primeiro lance do jogo, aos 18 segundos, Ariel Rojas fez pênalti bobo, silenciando o lotado Monumental. Emanuel Gigliotti bateu à meia altura, mas o goleiro Marcelo Barovero salvou.

O lance não assustou os donos da casa, que pressionaram e marcaram o gol da classificação ainda no primeiro tempo, aos 16 minutos, com belo chute de primeira de Leonardo Pisculichi. O Boca, que avançaria com um empate após o 0 a 0 em La Bombonera, desperdiçou pelo menos três chances claras e ainda saiu de campo reclamando de um gol marcado pelo próprio Gigliotti, mal anulado pela arbitragem.

O Ríver volta à decisão da Sul-Americana após 11 anos e enfrentam o Atlético Nacional, de Medellín, que derrotou o São Paulo quarta-feira nas cobranças de pênaltis. A primeira partida da final será realizada na Colômbia, na próxima quarta-feira. O título será decidido na Argentina, no dia 10 de dezembro.

A vitória sobre o Boca ainda teve um gosto especial para os torcedores do River. Foi o primeiro confronto de mata-mata vencido contra o principal rival em torneios internacionais. Até então, o Boca tinham levado a melhor todos os três duelos entre as duas equipes, o último deles ocorrido nas semifinais da Copa Libertadores de 2004.

(Com agência EFE)