João Pessoa 22/04/2018 14:38Hs

Início » Notícias » Trócolli participa de audiência para discutir desativação do terminal da Petrobrás em Cabedelo‏

Trócolli participa de audiência para discutir desativação do terminal da Petrobrás em Cabedelo‏

trocoli1O deputado estadual Trócolli Júnior (PMDB) foi o primeiro entre os parlamentares a levantar a discussão sobre a possibilidade da desativação do terminal de abastecimento da Petrobrás, no Porto de Cabedelo. E, para fortalecer a luta contra essa possível perda, ele esteve em uma audiência pública realizada nessa segunda-feira (29), para debater o assunto, juntamente com vereadores locais, deputados estaduais e integrantes da bancada federal paraibana. A audiência foi proposta pelos parlamentares do município.
 De acordo com Trócolli, o setor de combustíveis movimenta R$ 6 bilhões por ano na Paraíba. Portanto, o fechamento do terminal da Petrobrás culminaria na perda de R$ 4 milhões em impostos, por mês, somente em Cabedelo. Significa um prejuízo de R$ 48 milhões, por ano, na cidade A saída desse posto de abastecimento de Cabedelo vai provocar, ainda, a perda de 500 empregos diretos e, pelo menos, 300 caminhões deixariam de circular, por dia, no município, reduzindo o movimento em 40%.
 “O fechamento desse posto da Petrobrás em Cabedelo representa um prejuízo de maios de R$ 40 milhões por ano. Mais de quatro milhões por mês para o município. Afora o consumidor paraibano que vai ter que pagar um combustível mais caro, um óleo diesel mais caro e quando se mexe em diesel, se mexe no transporte público, nos transportes coletivos. Isso mexe também com os gêneros alimentícios, ou seja, é uma cadeia de prejuízos enormes que vai atingir toda a Paraíba”, pontuou Trócolli Júnior.

 Entenda o caso
 A discussão sobre o fechamento do posto de abastecimento da Petrobrás em Cabedelo foi iniciada pelo deputado Trócolli Júnior na semana passada. Logo depois o presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Marcelo (PEN), o escolheu para organizar a comissão de luta em favor desta causa que gera emprego para centenas de paraibanos.
 Após a manifestação do legislador em torno da problemática, muitos políticos também se envolveram e iniciaram um debate em conjunto. “Fico muito feliz pela sensibilidade e engajamento da classe política paraibana entorno dessa luta. Tentaremos, juntos, encontrar soluções viáveis em favor de todas as partes envolvidas. A Paraíba só tem a ganhar com a união de todos, independente do posicionamento político ou da bandeira partidária”, afirmou.
 Na audiência dessa segunda-feira estiveram presentes membros da Companhia Docas da Paraíba, do Comitê Gestor do Porto de Cabedelo, do Sindicato dos Portuários, da Petrobrás, Membros da Sociedade Civil, Sindicato dos Motoristas e população em geral. Também se fizeram presentes deputados federais, estaduais e vereadores da cidade.

Fonte: Assessoria