João Pessoa 20/07/2018 05:02Hs

Início » Paraíba » Secretário: “Lei sobre guarda pessoal é para proteger Ricardo do ódio dos inimigos”

Secretário: “Lei sobre guarda pessoal é para proteger Ricardo do ódio dos inimigos”

Muitas críticas foram feitas por políticos adversários do governador Ricardo Coutinho (PSB), que resolveu sancionar a lei de nº 11.097. A lei, de 28 de março deste ano, que cria a guarda pessoal de ex-governadores, foi publicada no Diário Oficial do Estado nesta quarta-feira (4), retroativo ao último dia 31.

Para estancar os boatos lançados nas redes sociais contra o governador, que movimentaram o cenário político da Paraíba, o secretário de Comunicação Institucional do Estado, Luís Tôrres, emitiu uma nota à imprensa explicando que tal aparato seria para proteger Ricardo Coutinho do ódio dos inimigos por ter tomado medidas que contrariam interesses ao longo de quase oito anos de mandato na administração da Paraíba.

Leia nota na íntegra:

Tal garantia já é assegurada em outros estados brasileiros, inclusive do Nordeste, e pelo Governo Federal em razão da natureza da função exercida pelos ex-governadores e ex-presidentes. No caso da Paraíba, não precisa ser muito bem informado ou ter boa memória para saber que o governador Ricardo Coutinho, ao longo destes sete anos, contrariou muitos e muitos interesses particulares para poder concretizar e realizar todas as ações coletivas que transformaram a lógica de desenvolvimento deste Estado. Como se sabe, muitos desses interesses contrariados geraram em alguns um ódio perigosamente externado. O que torna essa medida temporária ainda mais necessária. O resto é demagogia daqueles que fazem política enriquecendo o próprio patrimônio e adoram tudo aquilo que não pode ser publicado no Diário Oficial.

Luís Tôrres