João Pessoa 22/05/2018 02:14Hs

Início » Policial » Funcionários do Detran são presos por suspeita de fraudes em Campina

Funcionários do Detran são presos por suspeita de fraudes em Campina

Foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (03) no Siretran, em Campina Grande a Operação Pit Stop liderada pelo Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB) que teve como saldo a prisão de sete pessoas que, segundo investigações, tinham participação num esquema que regularizava veículos sem condições de serem aprovados pela vistoria do órgão.

A suspeita  de que cinco funcionários tenham usado dos crimes de falsidade ideológica e inserção de dados falsos de veículos irregulares, como  carros capotados, sem placas, que, no sistema, constavam como regulares”, explicou o corregedor..  Mais cinco pessoas estão na lista dos mandatos de prisão, dois já foram presos e três estão foragidos.

Walber Virgolino, corregedor do Detran-PB, explicou como funcionava o esquema. “Por exemplo, um veículo que capotou, completamente destruído, foi aprovado na vistoria. Possivelmente, o dono deve ter dado propina a funcionários do Detran-PB”.

Virgolino informou que as investigações apontam para a participação de dez pessoas, sendo cinco funcionários do Detran, que já foram detidos e cinco donos de veículos. Destes, dois já foram presos e três estão foragidos.

De acordo com o corregedor, as investigações começaram em 2011 depois que a corregedoria do órgão recebeu denúncias da existência do esquema.

Os acusados, que não tiveram os nomes revelados, foram encaminhados à 4ª Delegacia Distrital, no bairro do Catolé, em Campina Grande.

PB Agora