João Pessoa 19/08/2018 23:11Hs

Início » Política » Senador afirma que cerco da justiça está se fechando contra Ricardo Coutinho

Senador afirma que cerco da justiça está se fechando contra Ricardo Coutinho

“Como ele não consegue se defender das acusações, ele parte para desqualificar os acusadores”. A declaração é do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) feita em detrimento da fala do governador Ricardo Coutinho, em entrevista concedida ontem, a imprensa, na qual reclamou do Tribunal de Contas do Estado, que suspendeu a concessão de linhas de crédito do Programa Empreender. Para o governador, a ação teve viés político.

Segundo Cássio, foi uma decisão que tem respaldo técnico, que começou com um pedido do Ministério Público e a Corte de Contas, por unanimidade, diante das irregularidades cometidas a partir da falta de transparência na liberação dos recursos decidiu por suspender o Empreender.

“Antes de reclamar do Tribunal de Contas, ele tem que reclamar do Ministério Público Federal, que entrou com a ação, exatamente, pelos abusos constatados no Empreender. Como ele não se explica parte para desqualificar seus acusadores. Faz isso sempre. Ele não apresenta defesa, não apresenta justificativas para os crimes cometidos”, acusou.

O senador lembrou ainda que há um conjunto de denúncias que vem desde de 2014, quando o Empreender foi usado como instrumento eleitoral na compra de votos e que milhões de reais foram gastos nas eleições interferindo no resultado do pleito.

“Tanto é que tem uma outra ação do Empreender movido pelo Ministério Público Eleitoral que pede a cassação do governador Ricardo Coutinho. O cerco está se fechando. Só falta agora que o Tribunal Regional Eleitoral se manifeste sobre esse programa que é eivado de fraudes e se transformou num programa de compra de votos beneficiando até agentes políticos”, disse.

Paraíba Online