João Pessoa 19/06/2018 01:14Hs

Início » Política » Veneziano diz que últimos episódios não apagam sua história no MDB e explica relutância para sair do partido

Veneziano diz que últimos episódios não apagam sua história no MDB e explica relutância para sair do partido

O deputado federal, Veneziano Vital do Rego (MDB), comentou em entrevista ao Sistema Arapuan, que apesar de todos os convites para integrar, e até comandar outros partidos, e das recentes dissidências ao MDB nacional, a história e acolhimento que teve no início de sua vida pública o fazem relutar em deixar a legenda.

“Essencialmente pela relação de 15 anos. Foi uma legenda que colaborou muito para o país e me acolheu. Não sou ingrato”, disse lembrando de um episódio em 2003, onde ele tinha uma postulação pelo PDT e que o partido assumiu um compromisso com o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) para que não ele não fosse candidato. “Partiu para cima de mim e de forma muito acolhedora, José Maranhão me convidou e me filiei ao PMDB”, lembrou.

Com a filiação vieram duas eleições vitoriosas pelo partido. “Tenho laços fortes que me fazem não tomar uma decisão precipitada”, disse, sem esquecer dos episódios recentes principalmente com o Planalto.

Veneziano afirmou que não ser bem quisto pelo Planalto, votar contra a reforma trabalhista, a favor das investigações contra o presidente Michel Temer, contra a terceirização e outras orientações do partido, não apagam essa história que tem no MDB.

Marília Domingues