João Pessoa 17/07/2018 17:39Hs

Início » Últimas » Botafogo-PB se recupera na Série C e vence o Águia por 2 x 0

Botafogo-PB se recupera na Série C e vence o Águia por 2 x 0

botafogo recuperaApós quatro rodadas sem conhecer o caminho das vitórias, o Botafogo-PB entrou em campo no Almeidão com a missão de vencer o lanterna do Grupo A, o Águia de Marabá. Os três pontos são importantes para o time se estabilizar no G-4. Na escalação, apenas uma mudança: Aidar foi sacado do time titular para a entrada de Lúcio Curió.

Primeiro Tempo

Os 10 primeiros minutos foram de pressão do time da casa: Curió teve duas chances nesse período, porém não conseguiu aproveitar. O Águia chegava nos contra-ataques, mas sem perigo à meta de Genivaldo.

Aos 14 minutos, Lenílson deslocou o ombro, mas Dr. Alexandre recolocou no lugar. O capitão voltou para 10 minutos depois participar diretamente no gol do Belo: aos 24, Lenílson deu passe de letra para Frontini, cara-a-cara com Bruno Grassi, finalizar sem chances para o goleiro.

Dois minutos depois Pio soltou uma bomba, obrigando Bruno à fazer boa defesa, mandando a bola para escanteio. O último lance de perigo do Belo no primeiro tempo foi novamente com Pio, aos 43 minutos: o volante bateu falta de longe e o goleiro do time paraense quase levou um frangaço no Almeidão.

Esse foi o primeiro tempo em João Pessoa: o Botafogo-PB dominou o jogo por completo, teve mais posse de bola e mais volume de jogo. Poderia, inclusive, ter saído com uma vantagem maior, caso o setor ofensivo estivesse mais inspirado.

Segundo Tempo

O Águia começou a etapa final no ataque: aos 2 minutos, Reinaldo quase empatou o jogo, quando cabeceiou com perigo à meta de Genivaldo. O Belo respondeu no contra-golpe, no 3 contra 1, Frontini passou para Curió, que não conseguiu concretizar o passe para Lenílson e a defesa do Águia se recompôs.

A pressão inical do Águia não durou muito, pois logo aos 8 minutos, o Botafogo-PB ampliou o placar no Almeidão: Lenílson deu mais uma assistência primorosa, dessa vez para Ferreira, que chutou no canto esquero do goleiro Bruno: Belo 2 x 0 Águia.

Aos 12, quase o Águia diminuiu quando, Zaquel recuou mal para Genivaldo, Aleílson se antecipou e quase marcou, porém o paredão salvou, mandando para escanteio.

No minuto 16 do segundo tempo, Ferreira saiu de campo lesionado, dando lugar para Nêgo. Um minuto depois, o Botafogo-PB teve a chance de fazer 3 x 0, quando Bruno Grassi derrubou Frontini dentro da área: Pio foi para a cobrança de pênalti, mas chutou fraco e o goleiro do Águia espalmou para escanteio.

Só dava Belo, o time comandava todas as ações na partida, era questão de tempo para sair mais um gol: aos 26 minutos Lucio Curió saiu na cara do goleiro, mas não chutou em Bruno Grassi. Mais uma defesa do goleiro do Águia.

As coisas ficaram mais fáceis para o Botafogo-PB aos 28 minutos, pois o zagueiro do Águia, Émerson, fez falta dura em Alex Cazumba e recebeu o segundo amarelo.

Com a vitória praticamente garantida, o Belo diminuiu o ritmo no jogo e Vilar aproveitou para promover uma alteração no ataque: Lenílson saiu para a entrada de Aidar aos 30 minutos. Nos 15 minutos finais, o Botafogo-PB administrou o placar e assim terminou o jogo no Almeidão: Botafogo-PB 2 x0 Águia.

Pós-jogo

Com o resultado, o Botafogo-PB chegou aos 14 pontos e reassumiu a segunda colocação. O próximo jogo do time é o dérbi contra o Treze, no Presidente Vargas, no próximo sábado (09).

Wscom