João Pessoa 19/07/2018 23:13Hs

Início » Últimas » Evento do MP em CG gera mal-estar entre Rômulo, Cássio e Trigueiro

Evento do MP em CG gera mal-estar entre Rômulo, Cássio e Trigueiro

Sem ser citado por autoridades, vice se irrita faz discurso relâmpago e deixa recinto

20130704230241_03A inauguração da sede do Ministério Público em Campina Grande terminou em mal-estar na tarde desta quinta-feira. Sem ser citado pelo senador Cássio Cunha Lima (PSDB) e pelo procurador-geral de Justiça, Oswaldo Trigueiro Filho, o vice-governador Rômulo Gouveia deixou o recinto visivelmente contrariado.

Gouveia foi à solenidade representando o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, que estava em viagem a Salvador, capital da Bahia.

Na mesa solene, Rômulo teve que ouvir um discurso de quase uma hora do aliado Cássio Cunha Lima, cujo pai Ronaldo Cunha Lima deu nome ao edifício, sem nenhuma citação ao seu nome.

Da mesma forma, o vice-governador engoliu no seco o procurador-geral de Justiça, Oswaldo Filho, ignorá-lo, e terminar a fala sem fazer uma citação sequer ao nome do representante do governador.

Chamado à tribuna, Rômulo surpreendeu a todos. De forma ríspida e lacônica, tascou: “Eu estou tão emocionado com as falas anteriores que eu não tenho mais o que dizer. Obrigado”, ironizou o presidente estadual do PSD.

Parte da platéia, que prestou atenção na omissão ao nome de Gouveia, entendeu automaticamente a reação de protesto velado do vice-governador. Depois da fala relâmpago, Rômulo deixou o recinto.

Redação