João Pessoa 25/05/2018 01:26Hs

Início » Últimas » Fifa ameaça tirar Recife da Copa das Confederações

Fifa ameaça tirar Recife da Copa das Confederações

A Fifa dará até o início de novembro para que Recife avance nas obras do estádio ou então ficará de fora da Copa das Confederações. O secretário-geral da FIFA, Jérome Valcke, disse nesta quinta-feira (28), em entrevista coletiva à imprensa, que este prazo final é um “desafio”.

– Decidimos incluir Recife nas seis cidades [para Copa das Confederações]. Sabemos que o cronograma é desafio, mas a bola está no campo de Recife, digamos assim. Eles têm até a primeira semana de novembro para mostrar se pode ou não acolher a Copa das Confederações, porque precisamos começar a impressão dos ingressos e para ter ingressos corretos precisamos de estádios corretos.

O secretário brincou que o único problema com os trabalhadores do estádio em Recife ocorre quando Ronaldo e Bebeto visitam a construção. Segundo ele, nesse momento, “ninguém trabalha porque todos querem vê-los marcar penaltis”.

Na contramão de Recife, na opinião de Valcke, estão as obras de Brasília e Natal. Segundo o secretário as obras do estádio de Natal estão dentro do tempo previsto e a beleza do estádio da capital federal é impressionante.

Não me perguntem qual é o meu estádio favorito. Estamos impressionados com Brasília, o estádio é espantoso!

Visita – Na manhã desta terça a diretoria do COL também visitou as obras do Estádio Nacional de Brasília.

A capital federal tem 60% das obras concluídas, de acordo com o Governo do Distrito Federal. A arquibancada inferior já está totalmente pronta, as arquibancadas intermediárias já têm 90% da conclusão pronta e as arquibancadas superiores já são vistas de longe.

Além das três arquibancadas, o estádio também terá 74 camarotes e área especial para 2.850 jornalistas. A arena também vai contar com área social para passeio e lazer, bares e restaurantes.

Durante a visita desta quinta-feira, o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, elogiou o andamento das obras e disse que a visita ” comprova mais uma vez o cumprimento do calendário”.

O ex-atacante e conselheiro do COL, Ronaldo, demonstrou entusiasmo com a construção do Estádio Nacional de Brasília.

– Lembra muito os estádios europeus que eu já joguei.

Também estiveram na visita o conselheiro de administração COL da Copa, Bebeto, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, o presidente do COL, José Maria Marín, e o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz.

R7