João Pessoa 20/06/2018 07:26Hs

Início » Últimas » Trabalhadores da Cagepa decidem em assembleia que vão recorrer ao TST da decisão do TRT-PB

Trabalhadores da Cagepa decidem em assembleia que vão recorrer ao TST da decisão do TRT-PB

grevistas recorrem trtOs trabalhadores da Cagepa e a direção do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas da Paraíba (Stiupb) decidiram em assembleia realizada na noite desta sexta-feira (01), que irão recorrer ao Tribunal Superior do trabalho (TST) da decisão do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba (TRT-PB). Na última quarta-feira (30), o TRT-PB decretou abusiva a greve da categoria, que está de braços cruzados desde o dia 16 de junho.

Na assembleia, que ocorreu na sede do Stiupb em Campina Grande e também nas cidades de Sousa e Cajazeiras, os trabalhadores também aprovaram o retorno as atividades a partir da próxima segunda-feira (04).

“É importante destacar que discordamos da decisão do TRT em decretar a greve abusiva, pois o sindicato cumpriu com todos os pré-requisitos legais de greve, ou seja, editais de convocação devidamente publicados, pauta de reivindicações, aprovação da categoria e decisão de assembleia pela greve. Por isso, iremos recorrer ao TST”, explicou Wilton Maia, presidente do Stiupb.

A categoria também decidiu, na assembleia desta sexta-feira, que só irá discutir o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2014/2016 com a direção da Cagepa, após a empresa garantir o abono dos dias parados. A proposta de ACT foi apresentada na última quinta-feira (31) pela diretoria da Cagepa.

Por fim, o presidente do Stiupb,Wilton Maia, parabeniza todos os trabalhadores e trabalhadoras que se mantiveram firmes, fortes e unidos na luta por melhorias ao longo de quase 50 dias de greve. “Tivemos ganhos mínimos é verdade, mas o que tiramos de lição dessa greve é que nunca vamos abaixar nossas cabeças para o patrão. Vamos seguir firmes e fortes, pois só conquista quem luta!”, finalizou.

 

Assessoria