João Pessoa 16/08/2018 11:57Hs

Início » Destaque » “Gestão coronelista do prefeito Panta, jogou planejamento no banheiro”, diz servidora da saúde revoltada por quebra de acordo de Salários

“Gestão coronelista do prefeito Panta, jogou planejamento no banheiro”, diz servidora da saúde revoltada por quebra de acordo de Salários

Servidores da saúde de Santa Rita-PB, em assembleia geral da saúde na sede do sindicato com apito e cara de palhaço decidiram voltar as ruas nesta quarta-feira (22) e cobrar do prefeito Tucano Panta (PSDB) em frente a prefeitura de Santa Rita e cobrar da gestão acordo celebrado entre o prefeito e os servidores da saúde pelo acordo firmado e que o gestor Panta descumpriu com os servidores e que não tem data prevista para pagar, segundo o equipe do prefeito.

“A gestão coronelista do prefeito Panta (PSDB), jogou o planejamento financeiro no banheiro, que congelou todas as gratificações, não paga terço de férias, criou um Decreto 32 que revogou a poucos dias e editou um novo Decreto congelando a folha de pagamento piorando a vida mais ainda do servidor público do se encontra. As péssimas condições de trabalho além da perseguição e redução de salários que se tornou uma ‘ditadura Panta”, sem reajuste de salários, insalubridade e agra não tem tem palavra para cumprir o que acordou com os servidores da saúde de pagar os salários atrasados previsto para a última quinta-feira (16), que passou o cargo para o vice -prefeito e desapareceu da cidade”, disse a servidora revoltada e indignada.

“Estamos de volta as ruas, não somos palhaços queremos nossos direitos e nossos salários trabalhados é responsabilidade da gestão, vamos acionar os agentes de saúde e toda categoria que sofre da mesma forma e decidir pela paralisação das atividades que o prefeito Panta não tem dinheiro para pagar aos servidores concursados mais todo dia ele contrata servidores comissionados para as unidades de saúde que não comporta nenhum servidores da prefeitura que o TCE-PB, divulgou a incapacidade da gestão investir no município devido as contratações da gestão Panta sem ter postos de trabalho para colocar essas pessoas, estamos nas unidades e vendo tudo e chegou a hora de denunciar o prefeito com seus desmandos e que não pagar a ninguém que estamos com medo do calote e que de hoje em diante não aceitamos mais essa conversa fiada que ninguém acredita”, disse a servidora que não quis se identificar com medo de retaliação da gestão.

Nesse exato momento os servidores estão enfrente a prefeitura de Santa Rita cobrando do prefeito Panta os salários atrasados que acordou pagar e despareceu da cidade.

Lamartine do Vale