João Pessoa 23/07/2018 04:12Hs

Início » Variedades » Justin Bieber está noivo da modelo Hailey Baldwin

Justin Bieber está noivo da modelo Hailey Baldwin

A montagem mostra o cantor pop Justin Bieber (E) em foto 10 de fevereiro de 2016, e sua noiva, a modelo e estrela de reality show Hailey Baldwin (D), em 20 de maio de 2018 – AFP

O astro pop Justin Bieber propôs casamento à modelo Hailey Baldwin, com quem namora há um mês, segundo informações publicadas na imprensa especializada neste domingo (8).

O polêmico cantor canadense de 24 anos, que se tornou muito conhecido por suas atitudes excêntricas, pediu em casamento a modelo de 21 anos durante um jantar no sábado em um restaurante nas Bahamas, anunciou o site de notícias de celebridades TMZ.

O portal citou testemunhas no restaurante, que disseram que a equipe de segurança de Bieber pediu a todos que guardassem seus celulares durante o pedido.

Um representante de Bieber não comentou, mas parentes do casal sugeriram que a notícia era verdadeira.

“Orgulhoso é eufemismo! Animado para o próximo capítulo!”, escreveu o pai do cantor, Jeremy Bieber, no Instagram, com uma foto de seu filho.

Sua mãe, Pattie Mallette, simplesmente tuitou: “Amor Amor Amor Amor Amor Amor Amor”.

Hailey Baldwin, modelo que já interpretou pequenos papeis, é filha do ator Stephen Baldwin, que fez “Os Suspeitos”, e sobrinha de Alec Baldwin, astro de “30 Rock” e que imita o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. A mãe da modelo é brasileira.

Bieber tem sido vinculado a aventuras românticas com muitas jovens famosas, incluindo a cantora pop Selena Gomez e a modelo Sofia Richie. Ele foi visto pela primeira vez saindo com Baldwin há um mês.

Bieber, apesar de continuar sendo uma estrela pop de sucesso, tornou-se manchete de tabloides devido a alguns incidentes, como dirigir em alta velocidade por Miami e jogar ovos na casa de um vizinho em Los Angeles.

Ele interrompeu abruptamente a sua turnê mundial no ano passado, depois de mais de 150 shows, explicando que estava tentando lidar com suas inseguranças.

AFP