João Pessoa 22/05/2019

Início » Cidades » Acidente que aconteceu após perseguição em Nilópolis termina com quatro mortos

Acidente que aconteceu após perseguição em Nilópolis termina com quatro mortos

Dois homens em uma moto teriam assaltado o motorista de um carro, que após ser roubado, iniciou uma perseguição aos criminosos e acabou se envolvendo em acidente

Rio – Um acidente que aconteceu após perseguição em Nilópolis, na Baixada Fluminense, terminou com quatro mortos e seis feridos na manhã desta sexta-feira. De acordo com a PM, dois homens em uma moto teriam assaltado o motorista de um carro na Rua Antônio Felix, no bairro Manoel Reis, por volta das 9h30. Após ter o celular roubado, o condutor iniciou uma perseguição aos criminosos e acabou batendo na moto em que eles estavam, além de atingir outra motocicleta, um carro e um ônibus.

Entre os mortos estão o motorista do veículo que iniciou a perseguição, identificado como Valério da Costa Dias, de 56 anos; Bruno Matheus Teotonio Rodrigues, 22 anos, que teve traumatismo craniano e faleceu no início da noite de hoje; ambos socorridos para o Hospital da Posse, em Nova Iguaçu; um homem, que de acordo com o Corpo de Bombeiros morreu no local; e a jovem Vitória Rodrigues, 19 anos, que estava na segunda moto atingida na colisão e foi levada para o Hospital Juscelino Kubitschek, em Nilópolis, mas não resistiu.

Segundo informações, o carro de Valério capotou após bater na motocicleta dos bandidos. Vitória, que deixava uma academia na região, foi atingida e arremessada por cerca de 15 metros. Ela morreu antes de dar entrada na unidade de saúde.

Já entre os feridos, estão Zenir Magalhães Dias, de 55 anos, encaminhada ao Hospital da Posse. Esposa de Valério, ela teve uma fratura no braço e seu estado de saúde é considerado estável. A identificação das outras cinco vítimas não foi divulgada. O caso foi registrado na 57ª DP (Nilópolis).

Ainda não há informações sobre a data e local de enterro de Valério, Vitória e Bruno. A Polícia Civil ainda não esclareceu se Bruno estava na moto com o outro suspeito morto na colisão.

O Dia