Aécio vira réu por tentativa de obstrução à Lava Jato

Aécio vira réu por tentativa de obstrução à Lava Jato

O deputado Aécio Neves se tornou réu por corrupção passiva e tentativa de obstrução judicial das investigações da Lava Jato após a Justiça Federal de São Paulo receber uma denúncia feita pelo ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot ao Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com o G1, a acusação foi feita a partir de delações de Joesley Batista, que afirmou ter pago propina no valor de R$2 milhões ao deputado. A irmã de Áecio, Andrea Neves, um primo e um assessor parlamentar do deputado também são acusados de corrupção.

Conforme a delação, em troca da propina, o parlamentar teria prestado favores políticos a Joesley.  A defesa do deputado ainda não se manifestou sobre o caso.

MaisPB