Al-Qaeda do Iêmen confirma morte de líder em ataque

líder do iemem morto em ataqueEm um vídeo postado no Youtube, a Al-Qaeda na Península Arábica (AQPA) confirmou nesta terça-feira (16) que o chefe da organização, Nasir al-Wahishi, morreu em um ataque realizado no Iêmen pelos Estados Unidos. O terrorista foi atingido na última sexta-feira (12) em um bombardeio de drone, que também visou outros rebeldes islâmicos.

De acordo com fontes locais, seu corpo estaria em um hospital isolado por militantes. Al-Wahishi era considerado o número dois da rede e tinha fugido da prisão em 2006. Sua morte tinha sido anunciada ontem pela imprensa internacional, mas faltava uma confirmação oficial.

A Al-Qaeda do Iêmen, criada em 2009 com a fusão de grupos sauditas e iemitas da Al-Qaeda, é considerada pelos Estados Unidos a organização mais perigosa do movimento islâmico radical.

No ano passado, Washington ofereceu uma recompensa de US$ 45 milhões pela captura de oito dirigentes do grupo, entre eles al-Wahishi. O chefe militar da AQPA, Qasim al-Rimi, foi designado como novo líder do grupo.

Agencia Ansa