ALPB firma convênios com nove câmaras municipais para capacitar servidores - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

ALPB firma convênios com nove câmaras municipais para capacitar servidores

Plenário de ItabaianaA Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) firmou convênios com mais nove municípios paraibanos, nesta segunda-feira (31), para a capacitação de servidores das câmaras municipais, por meio do Programa de Qualificação Continuada do Legislativo (Proquale). A parceria foi realizada na região do Curimataú, durante solenidade na Câmara Municipal de Cuité.

O convênio já foi firmado com mais de 80% das câmaras municipais do Estado e pretende atingir os 223 municípios paraibanos. São oferecidos 13 cursos online, ministrados pela Fundação Getúlio Vargas.

A assinatura da parceria foi realizada pelo presidente do Poder Legislativo, deputado Ricardo Marcelo (PEN) e pelos representantes das Câmaras Municipais. “Estamos sendo recebidos de forma positiva. Tivemos contato direto com os presidentes das Câmaras, que têm somado esforços para qualificar seus funcionários por meio desta adesão. O trabalho tem sido exitoso e espero que possamos atingir as cidades restantes”, destacou o parlamentar.

Os municípios que firmaram os convênios foram Barra de Santa Rosa, Cubati, Damião, Frei Martinho, Nova Floresta, Nova Palmeira, Pedra Lavrada, São Vicente do Seridó, além de Cuité. “A ação é pioneira e nossa região nunca havia sido privilegiada com uma iniciativa tão positiva para os servidores e vereadores da nossa região”, disse o presidente da Câmara de Cuité, Geraldo Costa.

Também estiveram presentes na solenidade os deputados Assis Quintans (Democratas) e Bado Venâncio (PEN), e a prefeita de Cuité, Euda Fabiana, que parabenizou a parceria da ALPB e da FGV com as Casas Legislativas.

“Nossa região foi privilegiada. Com essa ação grandiosa, vamos poder qualificar os jovens que prestam serviços para a população”, ressaltou a chefe do Executivo.

Sobre as capacitações – Os cursos abrangem áreas essencialmente técnicas e poderão ser cumpridos em um período de nove semanas. Entre as áreas de atuação, estão Gestão e Avaliação de Políticas Públicas, Controladoria, Gestão de Pessoas na Administração Pública, Gestão de Serviço Público, Licitações e Controle Administrativo, e Responsabilidade na Gestão Pública.

Para os cursos em nível médio, a duração será distinta e adequada de acordo com a área desejada. Os participantes que concluírem todas as etapas com êxito receberão certificados validados pela FGV.

Texto: Alexandre Kito
Foto: Nyll Pereira