João Pessoa 10/12/2018

Início » Policial » Aparelho explode e gera princípio de incêndio em UPA de Campina Grande

Aparelho explode e gera princípio de incêndio em UPA de Campina Grande

Um princípio de incêndio ocorreu durante a manhã desta sexta-feira (23) na Unidade de Ponto Atendimento Doutor Adhemar Dantas (UPA), no bairro Dinamérica, em Campina Grande. Conforme o tenente Clemilton dos Santos, do Corpo de Bombeiros, uma sobrecarga teria acontecido em uma das tomadas do local afetando um aparelho respiratório que acabou explodindo.

Conforme a secretária municipal de saúde, Luzia Pinto, seis pacientes foram transferidos para outras unidades de saúde, uma mulher de 79 foi encaminhada para o Hospital de Trauma do município, enquanto outros cinco pacientes foram para outra UPA que atende no bairro Alto Branco.

Um homem de 31 anos, que teria dado entrada na unidade após estar em um estágio crítico de Tuberculose, morreu durante esta manhã, mas conforme o diretor do local, Luciano Túlio, a morte do homem não teve a ver com o incidente. O aparelho não teria sido utilizado enquanto estavam tentando reanima-lo, o que teria se dado com massagem cardiorrespiratória.

O local teve que ser fechado por uma hora para conter o tumulto que foi gerado no ambiente. A UPA continuará o atendimento normalmente após o ocorrido. Em nota, a Secretária de Saúde chegou a se manifestar sobre o principio de incêndio.

Nota

A Secretaria Municipal de Saúde de Campina Grande esclarece que ninguém ficou ferido em decorrência do princípio de incêndio ocorrido na manhã desta sexta-feira (23) na Unidade de Pronto Atendimento – UPA 24h Dr. Adhemar Dantas, que funciona no bairro Dinamérica. As causas do problema estão sendo investigadas pelo Corpo de Bombeiros. Informações preliminares dão conta que um dos aparelhos da Ala Vermelha teria explodido após sofrer uma pane elétrica, provocando a combustão no local.

Todos os pacientes que estavam na UPA do Dinamérica na hora do incidente foram transferidos imediatamente para a UPA do bairro Alto Branco e para o Hospital de Trauma por ambulâncias do SAMU 192.

Por conta do incidente, os atendimentos na UPA do Dinamérica foram suspensos por uma hora para garantir a segurança dos usuários e profissionais que atuam no serviço. Após esse período, todos os setores deverão voltar a funcionar normalmente. Apenas a Ala Vermelha, que dispõe de quatro leitos, funcionará temporariamente com um único leito para internação.

Por fim, a Secretaria Municipal de Saúde lamenta o transtorno causado aos pacientes e acompanhantes que estavam na UPA no momento do incidente e informa que irá aguardar o laudo do Corpo de Bombeiros, que deverá apontar as causas do problema no aparelho. Por enquanto, a Secretaria de Saúde garante que seguirá adotando todas as medidas preventivas para evitar problemas dessa natureza.

Portal Correio