Após afastamentos, Câmara de Stª Rita agora acata a cassação de Reginaldo Pereira; vice continua no comando

rEGI AFASTADOPela primeira vez em Santa Rita um prefeito tem seu mandato cassado pela Câmara Municipal. A decisão foi por unanimidade com ovoto dos 18 vereadores presentes que acataram pela cassação do prefeito Reginaldo Pereira (PRB). A ausência foi do vereador Flávio Pereira que é sobrinho de Reginaldo.

Essa foi a primeira de quatro acusações que estavam tramitando na Casa Legislativa e que pediam a cassação do prefeito. O gestor tem sido investigado por suspeita de nepotismo, descumprimento de planos de cargos, carreiras e remuneração (PCCR), improbidade administrativa por conta de irregularidades em uma licitação referente a coleta de lixo e por ausentar-se da cidade sem informar ao vice-prefeito e à Câmara Municipal.

Por volta das 16 horas o prefeito em exercício Netinho vai assumir de forma definitiva o posto executivo no município de Santa Rita.

Na última quarta-feira (23), o Superior Tribunal de Justiça (STJ) indeferiu recurso apresentado pela defesa do prefeito pedindo que a decisão tomada pelo Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) por seu afastamento da administração fosse cancelada. A decisão foi do ministro Félix Fischer.

Vanessa de Melo com informações da rádio CBN

PB Agora