João Pessoa 24/05/2019

Início » Destaque » Após cerca de 4h de negociação, acusado de matar taxista a tiros no Bessa se entrega à polícia

Após cerca de 4h de negociação, acusado de matar taxista a tiros no Bessa se entrega à polícia

No final da tarde desta sexta-feira (15), o taxista Paulo Damião, 42 anos, foi morto a tiros no bairro do Bessa, em João Pessoa. Ferido por cinco disparos, o taxista chegou a ser socorrido com vida por outro taxista para o Hospital de Emergência e Trauma da Capital, mas não resistiu a gravidade dos ferimentos.

De acordo com a polícia, o suspeito teria estacionado na vaga destinada aos taxistas e ao ser alertado pela vítima se irritou, sacou o revóver e atirou várias vezes contra o taxista. O para-brisa do carro da vítima ficou marcado pelos disparos.

Houve tumulto e correria, já que o local fica próximo a um supermercado, escola e uma igreja. O acusado, que de acordo com a polícia é corretor de imóveis e se chama Gustavo, fugiu do local, mas logo foi localizado em sua residência.

Armado e trancado em sua casa com a família, o corretor resiste a prisão e policiais do GATE e do BOPE foram acionados para iniciar a negociação com o objetivo de fazer com que ele se entregue.

Por volta das 21h30, após cerca de 4h de negociação, o acusado se entregou à polícia e foi conduzido à Central de Polícia.

Foto: reprodução/whatsapp / tv correio

PB Agora