Após retornar à ALPB pelas mãos de Cartaxo, Emano Santos avisa que ‘não está para defender ou criticar ninguém’

Depois de conseguir retornar à Assembleia Legislativa da Paraíba, graças a uma articulação feita pelo prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), que chamou o deputado Jutay Menezes (PRB) para ocupar uma secretaria na gestão municipal, o suplente Emano Santos (Podemos) não está muito preocupado em retribuir o gesto. Quem pensava que o parlamentar poderia ser uma voz em defesa do gestor, enganou-se

Em entrevista, nesta terça-feira, Emano deixou claro que não vai ficar “batendo” e nem “defendendo” ninguém na tribuna da Casa.

Segundo o parlamentar, o povo quer uma nova postura de luta pelos direitos da sociedade através de projetos e está ligado nisso diariamente. O deputado lembrou que em 2018, o eleitor quer que seu candidato faça o que fala e essa atitude é o mais aguardado pelo povo.

“O povo quer um parlamentar de acordo com suas atitudes, é isso que o povo está aguardando e está ligado nisso diariamente. E eue estou aqui para apresentar projetos, não adianta ser oposição ou situação, querendo levantar temas ou assuntos para usar a tribuna e estar batendo em A, B ou C, não tenho a missão de defender ou criticar ninguém e sim representar o povo da Paraíba”, avisou Emano Santos.

Da primeira vez que Emano assumiu o mandato foi graças a uma articulação do governador Ricardo Coutinho (PSB).

OUÇA

PB Agora