Após vídeo, Maia (agora) diz que Glenn Greenwald manipulou sua mensagem

Após vídeo, Maia (agora) diz que Glenn Greenwald manipulou sua mensagem

VEJA BEM – Rodrigo Maia diz que chefe do The Intercept manipulou sua mensagem

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), gravou um vídeo sobre a publicação de conversas roubadas por hackers no site militante de esquerda The Intercept. A mensagem foi festejada e compartilhada por Glenn Greenwald e seus simpatizantes. Disse Maia: “No país, no nosso Brasil democrático, no nosso estado democrático de direito, o sigilo da fonte é um direito constitucional. A partir daí, temos que discutir, de fato, um hacker que pegou de forma ilegal, ilícita, criminosa, dados de terceiros. Precisa ser punido. Investigado, descoberto, e aí sim, punido”.

Nesta quarta-feira, o presidente da Câmara criticou Greenwald no Twitter.

O Sr. Glenn Greenwald postou sua própria interpretação do vídeo que gravei. No vídeo, defendo EXCLUSIVAMENTE a liberdade de Imprensa e o direito ao sigilo da fonte garantidos na Constituição.

Portanto, não aceito manipulação da verdade. O Sr. Glenn não tem o direito de interpretar o que eu disse de acordo com seus interesses.

Jovem Pan