Assembleia da Paraíba aprova remanejamento de R$ 950 milhões do Governo

alpb aprova remanejamentoCom 26 votos favoráveis e as abstenções dos deputados Bruno Cunha Lima (PSDB), Renato Gadelha (PSC) e Janduhy Carneiro (PTN),a Assembleia da Paraíba (ALPB) aprovou o remanejamento na ordem de R$ 950 milhões para o Governo do Estado. O Projeto de Lei, de iniciativa do Poder Executivo foi votado, na tarde desta quinta-feira (20), durante sessão extraordinária, promovida, excecionalmente, no plenário da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP).

O líder do Governo, Hervázio Bezerra (PSB), justificou que o remanejamento vai sanar uma imperfeição na peça orçamentária e afirmou que, sem a aprovação da matéria, poderia faltar dinheiro para efetuar pagamentos, como os da Defensoria Pública e da UEPB.

A oposição considerou que a Assembleia Legislativa deu um cheque em branco ao Governo. “Não se pode aprovar um remanejamento  sem dize de onde sai e para onde vai o dinheiro”, destacou Janduhy Carneiro ao cobrar transparência.

Já o presidente da Casa, Adriano Galdino, nega que os deputados tenham assinado um ‘cheque em branco. Garantiu, o entanto,  que vai cobrar do secretário estadual  de Planejamento detalhamento em matérias dessa natureza. De acordo com o presidente da ALPB, o dinheiro será rateado entre os três poderes (Execuitivo. Legislativo e Judicário),

O presidente da ALPB, Adriano Galdino (PSB), fez questão de pontuar que as sessões extraordinárias da Assembleia não são mais remuneradas, além de anunciar que a próxima sessão volta a ser realizada no Plenário Antônio Mariz, na sede do Poder Legislativo Estadual , na próxima quinta feira (27).

As sessões da ALPB estão sendo realizadas na Câmara de João Pessoa, devido a serviços de manutenção que estão sendo realizados na rede de esgotamento sanitário do edifício sede a Assembleia Legislativa. Os trabalhos no edifício sede foram suspensos no início desta semana por conta de um vazamento no fosso do elevador.

Clickpb