Assembleia Legislativa libera nomeação de “ficha-suja” em cargo comissionado no Executivo

Assembleia Legislativa libera nomeação de “ficha-suja” em cargo comissionado no Executivo

Em sessão realizada nesta quarta-feira (14), mesmo com votos contrários da bancada de oposição, a Assembleia Legislativa da Paraíba manteve veto do governador João Azevedo (PSB), ao Projeto de Lei de autoria do deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB), que “institui a exigência de “ficha-limpa” para nomeação dos cargos comissionados existentes no órgãos do Poder Executivo”.

Ao comentar a postura da bancada de situação na Casa, que de encontro com as demandas e anseios populares da moralidade e melhor prestação no serviço público, liberou a contratação de “ficha-suja” no Governo no Estado, o deputado estadual Wallber Virgolino classificou como absurda.

“Isso é cultuar e cultivar a corrupção”, disse. “Tenho quase certeza que aí tem dedo de Ricardo Coutinho para garantir a volta de gente como Gilberto Carneiro, Livânia Farias e Waldson de Sousa ao serviço público. Todos alvos da Operação Calvário”, completou.

Thiago Morais