A associação Flor Mulher promoveu seminário luta contra violência da mulher

Associação ‘Flor Mulher’ promove seminário do Dia Internacional de luta contra violência contra Mulher em Santa Rita

IMG_20150320_115801748_HDR[1]Debaixo do Tema: “Avanços e desafios na promoção de políticas públicas para as mulheres “. A associação Flor Mulher promoveu nesta sexta-feira (20) pela manhã na sede do sindicato dos servidores públicos municipal de Santa Rita – Sinfesa, ‘’Seminário da Mulher ‘’, para tanto foi discutido Saúde da Mulher, reativação da secretaria da mulher em Santa Rita, abertura de delegacias no período noturno e finais de semana, assistência á mulher e violência doméstica e discriminação da contra mulher e na assistência social dirigida para as mulheres de Santa Rita que hoje são atendidas na Capital.

No seminário da mulher. A mesa de debates foi condenada por Socorro Pimentel da Associação Afro-cultural Bassen Dan, que abrangeu o tema violência contra mulher negra, a Secretária de Estado da Mulher e da Adversidade Humana Gilberta Soares que apresentou a política pública existente de estado do governador Ricardo Coutinho, os quais foi indago pela não implementação da secretaria da mulher em Santa Rita, “Santa Rita está no atraso, disse a secretária de estado” , a presidente da Associação Flor Mulher Maria de Fátima e Associação da Mulher Marleide Dantas

Para presidente da associação afro-cultural Socorro Pimentel revelou que foi discutido os serviços da mulher pelo Centro de Referência da Mulher em João Pessoa, o chamamento do comitê impulsor da marcha da mulher negras que acontecerá em 18 novembro em Brasília, do corrente ano, e a violência da mulher de forma geral em especial a mulher negra envolvendo a violência doméstica, física, patrimonial, psicológica, moral e sobre tudo a necessidade da secretaria de políticas públicas de Santa Rita, saia do papel e seja efetivada uma vez que, Santa Rita é uma das cidades que mais mata mulheres e que mais sofre violência de todas as formas e não possui serviço de assistência na saúde, educação e social, sem atendimento de serviços das mulheres em Santa Rita, sendo  efetuado em João Pessoa fica descaracterizada a política das mulheres pelo gestor, revelou Socorro Pimentel.

Socorro Pimentel alertou ainda para os crimes que são destaques em Santa Rita foi promulgada a lei do Feminicídio que é considerado crime Hediondo com pena prevista de 12 a 30 anos de reclusão. Socorro disse opinou ainda sobre a secretaria da mulher que não existe e o prefeito nomeando servidores sem existir, isso é uma falta de respeito á sociedade e a política, e as demandas dos serviços que seja questionada pela Câmara Municipal e pelo Ministério Público, esclareceu Socorro Pimentel.

Mirleide Dantas que é integrante da Associação Flor Mulher avaliou os avanços da mulher como muito positivo como a implantação da delegacia da mulher, centro de direito da mulher e secretaria de políticas públicas para as mulheres que ainda não funcionam, os quais os sérvios são prestados pelo CEDOR, em Tibiri ll e a luta da Associação Flor Mulher e demais, as mulheres precisam pressionar o poder público para que funcionem e apoiem as mulheres vitimas de violência de um modo geral.

Por fim, ao término do seminário foi encaminhado um documento com as reivindicações referente a violência contra mulher, para o governo do estado, prefeitura de Santa Rita e Ministério Público da Paraíba, em especial a reabertura da secretaria de políticas públicas para mulheres, com o secretário responsável que tenha ligação com os movimentos sociais para atender a demanda existente no município conforme lei.

O seminário foi realizado no sindicato dos servidores públicos de Santa Rita – Sinfesa, contou a presença da Associação Flor Mulher, Associação de mulher da Paraíba Lilian Oliveira,  CMDCA-15, Associação da Mulher Negra- bassen Dan, Secretaria de Estado da Mulher e da Adversidade Humana, Cedor, UBM – União Brasileira das Mulheres da Paraíba, Sinfesa, Partido dos Trabalhadores, representando a Câmara Municipal vereadora Vanda Vasconcelos, o executivo Municipal  Risonete Mendonça.

IMG_20150320_113131147[1]IMG_20150320_113521540_HDR[1] IMG_20150320_114424060_HDR[1]IMG_20150320_113952462_HDR[1]IMG_20150320_112312954_HDR[1]

Lamartine do Vale, do Paraíba Urgente