João Pessoa 20/02/2019

Início » Cidades » Ativista que assumiu carreira de Mc Melody ajudou denunciar João de Deus por abusos

Ativista que assumiu carreira de Mc Melody ajudou denunciar João de Deus por abusos

A ativista Sabrina Bittencourt, que assumiu a administração da carreira de Gabriela Abreu Severino, a MC Melody, de 11 anos, foi responsável por ajudar a denunciar, no fim do ano passado, os abusos que teriam sido cometidos pelo médium João de Deus. Ela conseguiu encorajar e reunir mulheres para relatarem os abusos que haviam sofrido. O médium está preso e já foi denunciado pelo Ministério Público estadual de Goiás por violação sexual mediante fraude e estupro de vulnerável.

Sabrina cuidará da carreira da Melody e da irmã, conhecida como Bella Angel, que também é cantora. Ela terá o auxílio da mãe das meninas, Glória Daiane Severino, que passará a acompanhar de perto as filhas. A ativista também contará com uma equipe de profissionais, como, por exemplo, psicólogos. Nessa terça-feira, Thiago Aguiar, o MC Belinho, pai das meninas, anunciou que deixaria de cuidar da carreira das filhas.

A ativista foi indicada pelo youtuber Felipe Netto, que há uma semana criticou a sensualização de Melody em suas redes sociais, e após conversas com MC Belinho, ficou acordado que a menina e sua irmã, Bella Angel, teriam acompanhamento pedagógico e psicológico comandando por Sabrina.

– A Gabriela atinge diretamente 4 milhões de crianças, então não estou pensando só nela e na irmã, mas em todo mundo que elas atingem e na possibilidade de transformar a carreiras dela em algo positivo não só pra elas, mas também para esse público – relatou Sabrina ao EXTRA.

Carreira de MC Melody será administrada por ativista social
Carreira de MC Melody será administrada por ativista social Foto: Reprodução

A ativista foi a responsável por orientar a família a retirar do ar as contas das meninas nas redes sociais. Apenas no Instagram, Melody tinha 3,6 milhões de seguidores. Sabrina fará uma reformulação da carreira e do estilo das meninas.

Sabrina é ativista social pelos Direitos Humanos e bem estar animal e atua como voluntária na defesa de grupos vulneráveis há 20 anos. Ela sofreu abusos na infância de membros da igreja frequentada por sua família. Aos 16 anos, a ativista engravidou de um dos estupradores, mas acabou abortando. Atualmente, Sabrina concentra-se em denunciar outros líderes religiosos. A ativista também está por trás das denúncias de abuso de mulheres contra Prem Baba. Alvo de diversas ameaças de morte, Sabrina vive fora do Brasil e muda de endereço frequentemente.

– Não chego a ficar nem uma semana num mesmo endereço – afirma.

Em um comunicado divulgado nessa terça-feira, MC Belinho pediu desculpas “pelos excessos cometidos” na administração da carreira das filhas.

Foto: Reprodução

Veja a nota de MC Belinho na íntegra:

“Venho a público pedir desculpas pelos excessos que cometi em relação à carreira das minhas filhas. Entendo que sou o principal responsável e que não pedi ajuda quando poderia ter feito isso. Peço desculpas à mãe das meninas pelos danos que lhe causei e por ter feito as pessoas acreditarem que eu era um pai solteiro. A Daiane é uma excelente mãe, que acompanha as meninas na escola, que se preocupa com suas notas, que não falta em nenhuma reunião. Eu quis que ela cuidasse só da casa e da vida privada das nossas filhas e eu da parte da carreira.

Já estou respondendo ao Ministério Público de São Paulo sobre tudo isso e isento a Daiane de qualquer responsabilidade sobre as minhas decisões relacionadas à carreira de nossas filhas.

Devido à toda esta exposição, decidimos em comum acordo e com o suporte do youtuber Felipe Neto, que é amigo da familia, que eu não serei mais o responsável pela carreira delas e por desejar só o melhor para as minhas filhas, saber do potencial delas e que agora são duas adolescentes que precisam mais do que nunca do apoio de mulheres neste novo processo de educação, cultura e arte. A responsabilidade a partir de agora por toda esta parte é de Sabrina Bittencourt e sua equipe e peço que vocês escutem atentamente todo o plano que eles tem para nossa familia e que as nossas filhas, sejam uma voz potente para as mudanças que queremos ver no mundo!

Da mesma forma, com todo cuidado e preservação da nossa familia, nossa separação está sendo feita pacificamente, sem brigas, para que não cause danos às meninas. Prefiro que a guarda esteja com a mãe e vou continuar exercendo meu papel como pai. Agora terei acesso a psicoterapia, assim como toda minha familia e vou continuar sendo esse cara humilde e simples que todos vocês conhecem. Quem conhece nossa familia, sabe que não explorei as meninas e somos de clase média. Agradeço o apoio de todas as pessoas de bem que amam nossas filhas, seus fãs e principalmente à Daiane por ter sido uma companheira de vida e mãe maravilhosa nestes últimos 16 anos. “