Atlético acusa Barcelona e Griezmann de "falta de respeito" e pede volta do atacante

Atlético acusa Barcelona e Griezmann de “falta de respeito” e pede volta do atacante

Reviravolta impressionante na situação envolvendo Antoine Griezmann. Nesta sexta-feira (05), durante a entrevista de coletiva para a apresentação de Frenkie De Jong, o presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, confirmou interesse no atacante francês e disse que os catalães recentemente fizeram o primeiro contato para levá-lo ao Camp Nou. O problema foi a resposta do outro lado: o Atlético de Madrid “jogou areia no ventilador” e decidiu não vender o francês.

“Nesta quinta-feira nosso CEO, Oscar Grau, se reuniu com Gil Marín, do Atlético, para perguntar se a contratação poderia ser feita… ontem fizemos o primeiro contato com o Atlético de Madrid para falar sobre Griezmann”, disse o presidente do Barcelona. Minutos depois, veio a bomba em forma de comunicado oficial do Atlético de Madrid.

“Em 14 de maio Antoine Griezmann comunicou a Miguel Ángel Gil, Diego Pablo Simeone e Andrea Berta a sua decisão de abandonar o clube no final da temporada. Nos dias posteriores a este encontro, o Atlético de Madrid teve conhecimento de que o Fútbol Club Barcelona e o jogador haviam alcançado um acordo no último mês de março, exatamente nos dias posteriores ao jogo de volta de nossa eliminatória de Champions League contra a Juventus, e também já vinham negociando as condições do acordo desde fevereiro”.

“Em relação à declaração do presidente Bartomeu, realizada no dia de hoje, queremos manifestar que é verdade que ontem aconteceu uma reunião entre Miguel Ángel Gil e o CEO do Fútbol Club Barcelona, Oscar Grau, a pedido do Barcelona e que, nesta reunião, o senhor Grau manifestou sua intenção de, uma vez que a cláusula de rescisão do contrato de Antoine Griezmann tivesse modificada o valor, de 200 milhões a 120 milhões de euros,  tivesse o pagamento diferido em relação à cláusula vigente de 1º de julho”.

“Evidentemente a resposta do Atlético de Madrid foi negativa, entendendo que tanto o Fútbol Club Barcelona quanto o jogador faltaram com o respeito em relação ao Atlético de Madrid e aos seus torcedores”.

“Como consequência de tudo isso, hoje o Atlético de Madrid requereu o jogador, à sua irmã e agente do jogador e o seu advogado, que Antoine Griezmann, em cumprimento de suas obrigações contratuais com nosso clube, compareça no próximo domingo às instalações da entidade para começara pré-temporada com o restante de seus companheiros”.

“Através deste comunicado, o Atlético de Madrid quer expressar a sua mais enérgica repulsa com o comportamento de ambos, em especial do Fútbol Club Barcelona, por ter induzido o jogador a romper o seu vínculo contratual com o Atlético de Madrid em um momento da temporada onde o clube estava jogando não apenas a eliminatória contra a Juventus, mas também o título de La Ligacontra o próprio Fútbol Club Barcelona, algo que consideramos que viola os períodos protegidos de negociação entre os jogadores e altera as regras básicas de toda competição esportiva, além de ser uma enorme perda para nosso clube e seus milhões de torcedores”.

Terra