João Pessoa 14/12/2018

Início » Esporte » Atlético Mineiro vence Bahia e se mantém em sexto

Atlético Mineiro vence Bahia e se mantém em sexto

Contando com um belo gol de Juan Cazares, o Atlético Mineiro conseguiu a vitória sobre o Bahia, no Horto, para se manter em sexto no Campeonato Brasileiro.

Ultrapassado pelo Atlético Paranaense pela vitória do Furacão mais cedo, o Galo recuperou o posto com a vitória e acabou com o sonho tricolor de Libertadores.

Cazares e Chará tentam furar bloqueio defensivo

O Atlético Mineiro mostrou boa movimentação ofensiva nos primeiros minutos. Elias aparecia sempre para ajudar Cazares, Luan e Chará na criação das jogadas. Ricardo Oliveira, por sua vez, tentava se movimentar entre uma dupla de zaga lenta.

Aos dez, Chará recebeu bela bola de Cazares e ficou na cara do gol. O colombiano concluiu de canhota, e Douglas evitou o gol com boa defesa.

Douglas voltou a trabalhar quando Ricardo Oliveira apareceu. O atacante recebeu após boa enfiada de bola de Elias e, após tirar da marcação, finalizou, mas no meio do gol.

Apesar dos sustos, o Tricolor acabou conseguindo segurar a pressão inicial. Sem conseguir pelo chão, o Galo tentou pelo alto, e Maidana ameaçou em cabeçada. Nada feito. Cazares foi tentar, então, de falta, mas tampouco a bola entrou.

Dever de casa feito

Na volta do intervalo, a insistência atleticana foi recompensada. Cazares cobrou falta rápido para Chará, que devolveu para o equatoriano, com um belo arremate, enfim abrir o placar.

Logo depois do gol, um banho de água fria nos donos da casa: Fábio Santos acabou expulso após dividida com Élber. Levir, imediatamente, tirou Ricardo Oliveira para colocar Gabriel.

O Bahia passou a ser o time a atacar, enquanto os mineiros apostavam em Cazares, Chará e Luan para contragolpes rápidos. Mas o equatoriano quase marcou foi um gol olímpico, evitado em bela defesa de Douglas.

A falta do segundo gol fez com que o Alvinegro sofresse um pouco para confirmar o resultado. Edigar Júnio quase marcou de cabeça após cruzamento de Bruno, mas Victor salvou, como sempre, e os três pontos ficaram em BH.

O Gol