João Pessoa 14/12/2018

Início » Policial » Audiência de instrução com suspeito de matar namorada com tiro na cabeça é adiada para 2019

Audiência de instrução com suspeito de matar namorada com tiro na cabeça é adiada para 2019

A audiência aconteceria nesta sexta-feira (9), mas foi suspensa por causa da ausência de uma testemunha de acusação.

A audiência de instrução que aconteceria hoje foi remarcada para o dia 12 de abril de 2019 (Foto: Walla Santos/ClickPB)

O Fórum Criminal de João Pessoa adiou a audiência de instrução de Yuri Ramos Coutinho Nóbrega, de 20 anos, acusado de matar a namorada com um tiro na cabeça durante uma festa de aniversário. A audiência aconteceria nesta sexta-feira (9), mas foi suspensa por causa da ausência de uma testemunha de acusação.

Luanna Alverga, de 20 anos, foi morta com um tiro na cabeça, no dia 23 de julho de 2017, no bairro do Roger. Ele teria sido levada pelo namorado a um quarto nos fundos da casa onde acontecia a festa e Yuri teria lhe mostrado uma arma, tendo disparado acidentalmente, segundo a versão apresentada por ele na época em que o caso repercutiu. A Polícia Civil fez reconstituição do crime e apontou que o tiro não foi acidental.

Yuri teve prisão preventiva decretada e foi para o presídio do Roger. Mas, em agosto do ano passado, ele foi solto através de um alvará concedido pela juíza titular do 2º Tribunal do Júri da Capital. Atualmente, o rapaz continua em liberdade.

A audiência de instrução que aconteceria hoje foi remarcada para o dia 12 de abril de 2019.

ClickPB