Bacharéis em direito acusadas de fraudar prova da OAB são presas em São Carlos

Duas mulheres de 23 e 37 anos foram presas neste domingo (17) acusadas de tentar fraudar o exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que foi aplicada em uma escola particular no Centro de São Carlos.

De acordo com informações obtidas pelo São Carlos Agora, as bacharéis em direito de São Carlos e Araras conseguiram entrar com um celular na sala de aula, mas foram flagradas pelo coordenador.

Elas se recusaram a mostrar o celular, por isso a Polícia Militar foi acionada, bem como representantes da OAB.

Depois de terem acesso ao aparelho os policiais descobriram que as mulheres fotografaram a prova e enviaram via Whattsapp para outra pessoa, com objetivo de obter as respostas corretas.

As acusadas foram conduzidas até a sede da Polícia Federal em Araraquara, onde foram autuadas em flagrante com base no artigo 311 (fraudes em certames de interesse público). Elas tiveram as provas canceladas e irão responder pelo crime em liberdade.

Crédito: Divulgação

Fonte: www.saocarlosagora.com.br