ataque

Bélgica prende dois homens suspeitos de planejar ataque

Dois irmãos suspeitos de planejar ataques terroristas na Bélgica foram detidos na noite de sexta-feira. Os homens, identificados como Nourreidine H. e seu irmão Hamza H., foram presos após uma série de buscas na região de Mons e Liège, segundo a procuradoria belga. As investigações seguem como resultado da recente onda de atentados reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI) na França e na Alemanha.

“Com base nos resultados provisórios da investigação, existiam projetos de atentados em algum lugar da Bélgica”, afirmava o comunicado, acrescentando que ambos foram levados a comparecer perante à Justiça. De acordo com o jornal The Guardian, será decidido por um juiz neste sábado se os irmãos permanecerão sob custódia.

Não foram encontradas armas ou explosivos nas buscas, informou a procuradoria, que também decidiu não fornecer mais detalhes para não prejudicar a investigação. Acredita-se que não exista nenhum vínculo entre este caso e os atentados de 22 de março no país, que deixaram 32 mortos no aeroporto internacional de Bruxelas e na estação de metrô de Maelbeek.

Segundo o Ministério do Interior do país, 457 belgas já foram combater na Síria ou no Iraque ou tiveram a intenção de fazê-lo. Destes, 266 seguem na Síria ou no Iraque e 90 estão desaparecidos ou mortos.

(Com Reuters)