João Pessoa 20/04/2019

Início » Destaque » Benedita da Silva é última ex-governadora do Rio, viva, que não foi presa

Benedita da Silva é última ex-governadora do Rio, viva, que não foi presa

A ex-governadora do Rio de Janeiro, Benedita da Silva (PT), é a última governadora viva do estado fluminense que não foi presa. Ela governou o Rio entre abril de 2002 e janeiro de 2003 quando Anthony Garotinho (PDT) deixou o cargo para disputar a presidência da República no ano em que o ex-presidente Lula foi eleito pela primeira vez. O levantamento é da revista Veja.

Ela é a última mas não a única a não ser detida já que Nilo Batista também segue imune a prisões. Ele substituiu Leonel Brizola quando esse decidiu também concorrer ao cargo de presidente. Assim, Nilo governou o Rio entre abril de 1994 e janeiro de 1995.

Marcello Alencar é outro que nunca foi preso, mas esse morreu em 2014.

Já foram alvos de prisão os ex-governadores Sérgio Cabral, que governou de 2007 a 2014, Luiz Fernando Pezão, no poder entre 2015 e 2018. Ambos condenados por processos que tramitaram na Operação Lava Jato.

Além deles, Anthony Garotinho, governador de 1999 a 2002, e Rosinha Garotinho, gestora entre 2003 e 2007, também já foram presos. Ele por corrupção e crimes eleitorais e ela por extorsão a empresários para financiamento da campanha do marido.

E, nesta semana, foi preso Moreira Franco, que esteve na gestão fluminense entre março de 1987 e março de 1991. Ele foi alvo da Operação Lava Jato acusado de participação no esquema de propina em que Michel Temer, ex-presidente, foi apontado como líder.

ParlamentoPB