Blocos Picolé e Dindin de Manga ficam fora do Folia de Rua este ano

 

 

 

 

 

 

picole-de-manga_foliaderua2015_rafaelpassos-72

Bloco Picolé de Manga (Foto: Divulgação)

Um dos maiores blocos carnavalescos de João Pessoa, o bloco Picolé de Manga decidiu suspender sua participação no Pojeto Folia de Rua este ano. A justificativa apresentada pela diretoria para o bloco ficar fora do projeto é “a crise econômica nacional”. Além do Picolé, o bloco infantil Dindin de Manga também não desfilará em 2016. A decisão já foi comunicada ao presidente da Associação Folia de Rua, Antônio Toledo. A associação reúne ao todo 41 blocos carnavalescos filiados.

A suspensão foi decidida após uma série de reuniões da direção da agremiação nos últimos dias. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (04) por Lucélio Cartaxo, um dos fundadores e organizadores do bloco.

De acordo com nota divulgada pela diretoria do bloco, “o Picolé de Manga não deixará de existir porque faz parte das tradições de Carnaval de João Pessoa e integra o calendário festivo da cidade há 23 anos, período em que arrastou sempre mais e mais foliões anualmente”.

O presidente da Associação Folia de Rua, Antônio Toledo, lembrou que cada bloco tem autonomia para decidir se vai desfilar ou não. “O que nós fomos informados é que eles estavam com dificuldades para manter o mesmo padrão para 2016, devido à crise”, disse, explicando que a associação apoia os blocos com estrutura, e o Picolé de Manga busca também o apoio de patrocinadores.

A reportagem do Portal ClickPB tentou falar com Lucélio, porém sua assessoria informou que ele estava em reunião e ficou de retornar a ligação.

ClickPB