João Pessoa 17/02/2019

Início » Destaque » Bombeiros dizem que outra barragem pode se romper em Brumadinho

Bombeiros dizem que outra barragem pode se romper em Brumadinho

Sirenes foram tocadas; assista ao vídeo Comunidade próxima está sendo evacuada

Segundo a Vale, o acionamento das sirenes aconteceu após alterações nos medidores de estabilidade da barragemDivulgação/Corpo de Bombeiros de MG

O Corpo de Bombeiros informou neste domingo (27.jan.2019) que existe “risco iminente” de 1 novo rompimento de barragem em Brumadinho (MG). As equipes de busca estão neste momento trabalhando para evacuar as comunidades Córrego do Feijão e Tejuco, próximas à barragem B6, que está sendo monitorada desde o rompimento de 6ª feira.

Na manhã deste domingo (27.jan), as buscas por sobreviventes da barragem 1 da Mina Córrego do Feijão, da Vale foram interrompidas.

Segundo o porta-voz da corporação, tenente Pedro Aihara, a barragem está cheia de água e fica próxima à que cedeu na 6ª feira. Ela estaria sendo drenada desde sábado para evitar uma nova ruptura.

A Vale informou que os medidores de estabilidade teriam apresentado alterações e sirenes foram acionadas a partir das 5h para alertar a população. Assista a vídeo do momento:

rompimento da barragem em Brumadinho já supera em número de mortos o desastre de Mariana, em 2015. Até a noite deste sábado (26.jan), 34 pessoas haviam sido resgatadas sem vida. Há 4 anos, 19 pessoas morreram em 1 desastre similar em Mariana.

Segundo o governo de Minas Gerais, foram resgatadas 366 pessoas, sendo 221 funcionários da Vale e 145 trabalhadores terceirizados. Há também 81 desabrigados e 23 hospitalizados. Pelo menos 296 pessoas estão desaparecidas. As atividades de resgate foram suspensas às 20h de sábado e retomadas às 4h da madrugada deste domingo.

Veja fotos da tragédia em Brumadinho: