Botafogo vence a primeira no Brasileiro

bota vence 1ªFinalmente saiu a primeira vitória do Botafogo no Brasileirão. Apesar de não ter atuado bem, a equipe alvinegra se sobressaiu, corrigiu as falhas de finalização e venceu o Atlético-PR por 2 a 1, nesta quarta-feira, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG), em confronto pela terceira rodada.

O mando de jogo foi do time carioca, que optou por atuar em Juiz de Fora em busca de uma renda maior do que seria em Volta Redonda (RJ), palco do duelo contra o São Paulo pela primeira rodada. Mas a partida em Minas teve apenas 4.384 pagantes, para uma renda de só R$ 115 mil.

Com quatro pontos, o Botafogo faz o clássico no domingo com o Fluminense, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, como visitante. Já o Atlético Paranaense, que segue sem vencer e tem apenas um ponto, pega, no sábado, o Figueirense, na Arena da Baixada, em Curitiba.

O jogo

Em busca da primeira vitória, as duas equipes se lançaram ao ataque e fizeram um confronto aberto em Juiz de Fora. Aos 11 minutos, o Atlético quase abriu o marcador, com Sidcley, de cabeça, após cobrança de escanteio. O Botafogo custou a encontrar um buraco na defesa paranaense, mas quando encontrou, marcou. Aos 17, Gegê achou Ribamar livre, que avançou driblou o goleiro Weverton e fez 1 a 0.

O gol fez o alvinegro recuar, com maior liberdade para o adversário atacar. Sem explorar o contra-ataque, o Botafogo se fechou e passou por problemas. Aos 39, Ewandro recebeu na área e quase marcou. Aos 42, nova chance, dessa vez na trave.

No segundo tempo, o Atlético voltou ainda melhor. Cada vez mais perto do gol, Vinícius quase marcou aos 4, em boa defesa de Helton Leite. Aos 12, finalmente o gol. Após confusão na área, Thiago Heleno encontrou Vinícius, que dominou e empatou: 1 a 1.

Em seu pior momento na partida, quando a torcida já começava a vaiar a equipe, o Botafogo reagiu. Salgueiro, de atuação discreta, fez boa jogada, avançou com a bola e encontrou Neilton livre na área. O atacante dominou e chutou forte de direita para fazer o segundo.

Assim como no primeiro tempo, o Botafogo abdicou do ataque e voltou a passar susto. Aos 46, Walter aproveitou vacilo da defesa e chutou forte; criticado pelas más atuações nas rodadas anteriores, o substituto de Jefferson fez ótima defesa e assegurou a primeira vitória alvinegra na Série A.