João Pessoa 25/04/2019

Início » Paraíba » Briga por causa de vaga em estacionamento termina com mototaxista baleado na PB

Briga por causa de vaga em estacionamento termina com mototaxista baleado na PB

Dois mototaxistas brigaram em shopping de Campina Grande e um deles foi ferido por 4 tiros.

Crime ocorreu em frente ao portão principal do Shopping Luiza Motta, em Campina Grande — Foto: Sandra Paula/TV Paraíba

Um mototaxista de 30 anos de idade foi ferido a tiros na tarde desta segunda-feira (14), dentro de um estacionamento do shopping Luiza Motta, no bairro do Catolé, em Campina Grande. O crime teria ocorrido depois que a vítima teve uma discussão com outro mototaxista, por causa de uma vaga no estacionamento interno. Segundo a Polícia Militar, o suspeito de atirar contou com a ajuda do pai na ação.

A direção do shopping Luiza Mota não quis se pronunciar sobre o caso.

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o mototaxista suspeito chega com o pai pilotando uma moto e, juntos, eles entram em luta corporal com o mototaxista ferido. Os disparos foram efetuados pelo filho mototaxista, que estava na garupa da moto. Foram quatro tiros, que atingiram a cabeça e abdome da vítima.

Uma testemunha que não quis se identificar disse, em entrevista à TV Paraíba, que a confusão começou pela manhã. O mototaxista que foi ferido seria clandestino e o mototaxista suspeito é regulamentado pela Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) de Campina Grande.

A testemunha explicou que o mototaxista clandestino trabalhava no local há mais de 10 anos e sempre ficava aguardando os clientes na parte interna do estacionamento do shopping. Já o mototaxista cadastrado tem uma vaga fixa na parte de fora do estacionamento do shopping e começou a trabalhar no local há pouco tempo. A confusão começou quando o mototaxista cadastrado queria também ficar na parte interna do estacionamento, mas o mototaxista clandestino não queria permitir.

Mototaxista suspeito de atirar no mototaxista clandestino tinha vaga fixa na parte de fora do estacionamento — Foto: Sandra Paula/TV ParaíbaMototaxista suspeito de atirar no mototaxista clandestino tinha vaga fixa na parte de fora do estacionamento — Foto: Sandra Paula/TV Paraíba

Mototaxista suspeito de atirar no mototaxista clandestino tinha vaga fixa na parte de fora do estacionamento — Foto: Sandra Paula/TV Paraíba

Os tiros ocorreram por volta das 12h (horário local). Segundo a Polícia Militar, depois da primeira discussão, o mototaxista cadastrado saiu do local e depois retornou com o pai em uma moto, momento em que ocorreram os tiros.

O shopping fica ao lado de uma companhia da Polícia Militar e os policiais chegaram ao local segundos após os disparos, mas os dois homens conseguiram fugir. A Polícia Militar está em busca dos suspeitos, mas até 17h (horário local) desta segunda-feira ninguém foi preso.

Depois de ser ferido, o mototaxista clandestino foi socorrido e levado pra o Hospital de Trauma de Campina Grande. De acordo com a unidade hospitalar, ele deu entrada em estado de saúde grave. Por volta das 17h (horário local) ele foi transferido para Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

G1-PB