João Pessoa 26/05/2019

Início » Policial » Cabo da PM condenado a 13 anos de prisão é expulso de corporação, na Paraíba

Cabo da PM condenado a 13 anos de prisão é expulso de corporação, na Paraíba

Expulsão foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) — Foto: Reprodução/Diário Oficial do Estado

Um cabo da Polícia Militar, condenado pela Justiça a 13 anos de prisão foi expulso da corporação por ter atirado e matado um homem suspeito de tentativa de homicídio, sem possibilidade de defesa. O caso aconteceu em 2009, no Sítio Serrote Preto, no município de Fagundes, na Paraíba.

A expulsão do PM foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (17). O policial também respondeu, na 4ª Vara Criminal de Campina Grande, a um caso de roubo, sendo condenado duas vezes a um ano e nove meses de prisão.

O policial atuava no 2º Batalhão da Polícia Militar e, de acordo com o Conselho de Disciplina que avaliou as suas atitudes, as ações praticadas por ele afrontaram a honra pessoal e a ética policial militar. Além disso, o Conselho constatou mau comportamento durante as avaliações de conduta.

A publicação ainda determina que o comandante do 2º BPM apreenda a identidade militar do policial, o armamento e outros objetos que estão com o policial por conta da sua função.

G1-PB