Cabo é expulso da PM e condenado a 15 anos de prisão por homicídio qualificado - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Cabo é expulso da PM e condenado a 15 anos de prisão por homicídio qualificado

expulsouLuiz Quintino de Almeida Neto, 35 anos, foi expulso da Polícia Militar da Paraíba, conforme consta na edição do último dia 26 de outubro de 2013 do Diário Oficial do Estado. De acordo com a publicação, ele era lotado no 1º Batalhão desde março de 1999 e é acusado de ter matado um policial civil em 2007.

O Diário traz ainda que ele é considerado o autor intelectual do assassinato do agente de Polícia Civil José Maria da Silva, praticado no dia 18 de outubro daquele ano, numa parada de ônibus situada no Bairro do Novais, Zona Oeste de João Pessoa. Ele vai responder por homicídio qualificado e foi condenado a 15 anos de reclusão.

Apesar de ter sido mostrada somente no sábado (26), a portaria nº 0306/2013 que trata da expulsão de Luiz Quintino foi assinada no dia 23 de outubro, pelo comandante geral da Polícia Militar, Euller de Assis Chaves.

A corregedoria geral da PM foi procurada pelo Portal Correio, mas, devido ao Dia do Servidor Público, ninguém foi encontrado para comentar o assunto.

Veja um trecho da publicação do Diário Oficial e clique aqui para ler a versão completa da edição.

PublicaçãoFoto: Publicação
Créditos: Diário Oficial