Câmara Municipal de Santa Rita encerrou o ciclo de debates com secretários da prefeitura da LDO

IMG_20150611_122857983O presidente da Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara Municipal de Santa Rita, vereador Severino Farias, encerrou o ciclo de debates nesta sexta (12) com os secretários da prefeitura de Santa Rita  oportunidade aonde apresentaram um planejamento detalhado por secretaria para integrar referente a Lei de Diretrizes Orçamentária – LDO, para o exercício de orçamentária que será apreciada em dezembro de 2015, e executada em 2016.

O presidente da comissão Severino Farias coordenou os trabalhos no plenário da Câmara aonde na oportunidade os secretários esporam os planejamento de suas pastas para o ano subseqüente além da participação popular tirando suas dúvidas, sugerindo e opinando nas pastas com maior volume de recursos por secretárias. O presidente da comissão de orçamento destacou três pastas importantes como educação, saúde e infraestrutura que concentram o maior montante de recursos do orçamento em 70% que vão formar a peça orçamentária anual, entre elas, as prioridades e metas que serão alcançadas e executadas para o ano seguinte , afirmou o presidente da comissão e orçamento o vereador Farias.

O secretário de Saúde Demóstenes Medeiros (Moca) anunciou uma exposição de investimentos para a secretaria de saúde com a criação da inclusão de Centro de Psíquico  Social – CAP’S A e D para tratamento de pessoas que possuem dependência química (álcool) e para pessoas com dependência das drogas, além da inclusão no município de um centro para tratamento de crianças infantil CAP’S – I. O secretário anunciou também como prioridades a criação de uma Unidade de Pronto Atendimento – ‘UPA de porte 2′ no município, aonde na oportunidade a prefeitura está realizando um estudo no local mais adequado através do Ministério da Saúde entre os Bairros de Várzea Nova e Alto das Populares para atender uma demanda que é crescente no município principalmente para atender a zona rural e as localidades próximas ao centro da cidade cidade, pontuou secretário Moca.

Demóstenes Medeiros ressaltou ainda será implantado no município um hospital materno infantil que é segundo pesquisa realizada pela secretaria um grande sonho da população, sem esquecer também a possibilidade do hospital pronto socorro de fraturas que está incluso na policlínica municipal que será implantada ainda este ano. O secretário falou das dificuldades orçamentárias e da redução das verbas federias que a meta de secretaria de saúde é manter a meta existente da saúde com seus compromissos financeiros, disse.

A secretaria adjunta de educação Graça Maurício disse que ações e projetos implementados de 2015 foram mantidos, além dos programas federais e anunciou o PRONATC-EJA, para uma educação profissional para os jovens no município, que provavelmente esteja implantado essa modalidade ainda este ano. Graça Maurício disse ainda que vai ampliar algumas escolas devida a demanda e concluindo as creches que estão em andamento além da construção de uma nova creche a ser definido o local.

Graça Maurício revelou a quantidade alunos matriculados no município que chega a 14. 592 de início, além do senso que foi iniciado agora em maio que vai definir a quantidade de alunos que provavelmente haverá um aumento considerável entre o 1º ano além do 6º e 7º ano, frisou a secretária adjunta da educação Graça Maurício.

O presidente da Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara de Santa Rita avaliou a audiência pública que discutiu com os secretários aonde abriu o espaço para os interlocutores e a sociedade nas propostas apresentadas para compor a LOA em dezembro. O presidente Farias confirmou os prazos para entrega das emendas a LDO, na secretária da Câmara estará até o dia 16, os quais será apreciada e votada no plenário da casa de Antônio Teixeira na sessão ordinária do dia 18, informou o presidente da comissão e orçamento.

Lamartine do Vale, do Paraíba Urgente.