Cantor é assassinado depois de show no Centro Histórico de João Pessoa

CANTOR ASSASSINADOUm cantor foi assassinado na madrugada deste sábado (07) após se apresentar em uma casa de show no Centro Histórico de João Pessoa. A polícia investiga a o crime como latrocínio. Pablo tinha 34 anos e havia feito uma apresentação na festa ‘Baile de Favela’, no Casarão 39.

De acordo com as primeiras informações, Pablo Roberto de Lima Santos, conhecido como Pablo Scobá, se aproximava do carro onde estavam sua esposa e um casal de amigos quando foi abordado por dois homens. Eles anunciaram o assalto e Pablo questionou o que estava acontecendo. Com a reação um dos assaltantes atirou contra o cantor. Os dois suspeitos fugiram do local em seguida.

Pablo Scobá foi atingido na região do coração e ainda chegou a ser socorrido no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, mas não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.

Nascido no Rio de Janeiro, mas desde muito cedo morando em João Pessoa, Pablo iniciou sua carreira na década de 90. Além de cantor e compositor, ele também era ativista da cultura Hip Hop. Recentemente ele direcionou seu trabalho para uma das vertentes do Reggae, o Dub. Ele passou por bandas como Reação da Periferia e Esquadrão 38.

ClickPB