Cássio Cunha Lima sugere que Cícero Lucena dispute convenção para concorrer ao governo do Estado

cassio bater chapa com ciceroPré-candidato ao governo do Estado, o senador Cássio Cunha Lima afirmou neste sábado (26) que PSDB não tem hegemonia suficiente para fazer uma chapa pura”, e sugeriu que Cícero Lucena dispute a convenção para concorrer ao governo. Segundo Cássio, os tucanos precisam ampliar o legue de aliança com outros partidos, para assim, disputar governo do Estado.

Em entrevista concedida na Rádio Arapuan FM em João Pessoa, Cássio Cunha Lima admitiu que o PSDB está diante de uma “decisão estratégica”, em função da resistência de Cícero Lucena em abrir mão da vaga na chapa majoritária.

CCL observou que é necessário discutir internamente “se o PSDB tem hegemonia suficiente para apresentar os candidatos ao governo e ao Senado, dispensando alianças”. “Eu acho que o PSDB não tem hegemonia suficiente para fazer uma chapa pura”, opinou o ´tucano´.

Cássio disse que não vê problema nenhum em “bater” chapa com Cícero Lucena, para saber quem dos dois terá a autorização do partido para concorrer ao governo do Estado. “Eu não vejo problema nenhum que Cícero coloque o seu nome à disposição para o governo e venha a ser o próprio candidato a governador”, sugerindo uma espécie de pré-convenção. Cássio enfatizou no entanto, que Cícero Lucena “pode ter o apoio integral do partido para ser candidato a deputado federal”, e que não há nenhum demérito nessa opção.

Vale lembrar que quando Cássio teve o seu mandato de governador cassado pelo TSE e ficou sem ocupar cargo público, ele chegou a ensaiar uma disputa interna pelo comando do partido, na época presidido por Cícero Lucena. Após o conflito, o comando do PSDB na Paraíba passou para o deputado federal Ruy Carneiro.

Severino Lopes 

PBAgora