Cássio discute papel da oposição com deputados tucanos e diz que não vai se envolver com escolha da presidência da ALPB

Cassio-e-camilaO senador Cássio Cunha Lima (PSDB) se reuniu na manhã desta segunda-feira (19) com os quatro deputados estaduais eleitos por seu partido na Paraíba, além do deputado federal Pedro Cunha Lima para discutir a posição da oposição no atual governo.

“Foi uma reunião de rotina que todos os partidos têm. Eles estão em seu primeiro mandato, com um desejo enorme de fazer diferente as mudanças que a Paraíba e o Brasil tanto precisam”, destacou Cássio.

Sobre o partido ele destacou que está em um processo de democracia interna. “Vamos discutir temas que dizem respeito à Paraíba e ao próprio Brasil. Depois de um período de descanso, neste ano que começa estou de volta à Paraíba para retomar minhas atividades seguindo para Brasília na próxima semana quando teremos, não apenas a posse dos eleitos, mas também o retorno da mesa diretora, do Senado, e especificamente da escolha de lideranças”, enumerou.

Ele também frisou o retorno das atividades da oposição em solo paraibano. “Enfim, retomando as atividades da oposição paraibana, que estará atenta, vigilante, sempre em defesa do nosso povo, da nossa gente”, destacou.

Cássio falou sobre a eleição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa. Para ele, a decisão sobre quem deve assumir a presidência da Casa deve caber exclusivamente aos deputados.

“Eu não sou deputado estadual, portanto não seria elegante da minha parte opinar sobre uma eleição da qual eu não sou eleitor. A bancada estará tomando sua decisão de forma autônoma, independente e acredito que sim, claro, o deputado Ricardo Marcelo tem todas as condições de ser reconduzido à presidência da Casa.

Mas repito e insisto que este é um tema que diz respeito exclusivamente à bancada na ALPB, que estará dentro da autonomia do mandato para tomar a decisão, agora vamos conversar sobre isso. É natural que nós possamos discutir todos os temas”, declarou.

João Thiago / Antonio Malvino