CCJ volta a aprovar reforma da Previdência; faltam votações de destaques

CCJ volta a aprovar reforma da Previdência; faltam votações de destaques

Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) realiza reunião deliberativa para discutir as emendas de plenário à PEC 6/2019, que modifica o sistema de previdência social. nnMesa: nvice-presidente da CCJ, senador Jorginho Mello (PL-SC); npresidente da CCJ, senadora Simone Tebet (MDB-MS).nnFoto: Geraldo Magela/Agência Senado

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) preside a sessão da CCJ do Senado que aprovou a reforma da Previdência nesta 3ª (1º.out)Geraldo Magela/Agência Senado – 1º.set.2019

A CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania) do Senado voltou a aprovar nesta 3ª feira (1º.out.2019) o texto-base do projeto da reforma da Previdência. Seis destaques –votações realizadas separadamente– ainda serão analisados pelo colegiado.

Foram 17 votos a favor e 9 contrários ao relatório. O projeto deve ser votado ainda no mesmo dia no plenário da Casa.

A comissão já havia aprovado o texto-base do projeto no início de setembro, mas se debruçou agora sobre os pedidos de emendas feitos pelos senadores em plenário.

A votação da reforma chegou a ser marcada para a semana anterior, mas foi adiada após o mal-estar causado por uma ação da Polícia Federal que atingiu o gabinete do líder do governo na Casa, Fernando Bezerra Coelho.