João Pessoa 14/12/2018

Início » Variedades » Cearense vence Miss Plus Size: “Já sofri bullying e tentei emagrecer”

Cearense vence Miss Plus Size: “Já sofri bullying e tentei emagrecer”

Como tantas outras crianças gordinhas,Talita Silva dos Reis, de 27 anos, sofreu bullying na escola. Mas ao contrário dos que choravam e sofriam, ela enfrentava os ataques dos colegas com bom humor e, dessa forma, acabava conquistando a simpatia deles. Durante a adolescência tentou emagrecer diversas vezes e a aceitação com o corpo veio só na vida adulta. A jornalista cearense, de 101 kg, 1,70m e manequim 46, derrotou 16 candidatas e é a vencedora do Miss Plus Size Nacional, levando para casa o prêmio de R$ 6 mil. A coroação aconteceu na noite de sábado, no Clube dos Advogados, no Centro do Rio.

— Se amem, quando você sabe quem é na essência, quando se ama de verdade, você pode conquistar o mundo — foi o recado passado por ela às mulheres que acham que não se enquadram nos padrões, assim que foi escolhida pelos jurados como vencedora.

Talita dá lição de autoestima
Talita dá lição de autoestima Foto: Divulgação

Mas nem sempre foi dessa forma. Na carta de apresentação enviada para concurso promovido pelo produtor Eduardo Araújo, Talita contou que sofreu bullying na infância e, na adolescência, fez várias tentativas de emagrecer, algumas bem-sucedidas. Mas, desistiu de se enquadrar nos padrões estéticos impostos na época, ao concluir que para ela apreciar uma boa comida é um prazer.

“Foi um grande trabalho de aceitação e uma dose extra de amor próprio que me transformaram na mulher que hoje sou”, escreveu a jovem, que por incluência de uma amiga da infância entrou no mundo miss, após experiência como modelo.

“Como tantas outras crianças gordinhas, minha história de bullying teve início na escola, mas diferente da maioria que sofria e chorava, eu usava meu bom humor e sagacidade e acabava transformando os agressores em defensores e amigos. Durante toda a minha adolescência passei por várias dietas em busca de me encaixar nos padrões estéticos impostos naquele momento. Obtive sucesso em algumas tentativas mas, como para mim, apreciar uma boa comida é um prazer, você já pode imaginar o final da história. (Risos)”, escreveu na carta de apresentação.

Outras oito concorrentes também foram contempladas com outros títulos: Joelma Alves, do Distrito Federal, segunda colocada do Miss Plus Size Nacional, e Priscila Andrade, de São Paulo, terceira. Tayane Andrade, da Bahia, foi aclamada pelo público como a Miss Popularidade; Magali Dutra, de Minas Gerais é a Miss Plus Size Nacional Elegant; Julia Barreto, de Pernambuco, Miss Plus Size Fotogenia; Jessica Cunha, da Paraíba, Miss Plus Size Simpatia; Bianca Moreira, do Rio Grande do Sul, Miss Plus Size Virtual; e Alaine Maria, do Maranhão, Miss Plus Size Turismo.

Jornalista cearense derrotou 16 concorrentes
Jornalista cearense derrotou 16 concorrentes Foto: Divulgação

Extra Online