Cidade dos EUA proíbe venda e compra de água em garrafa plástica - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Cidade dos EUA proíbe venda e compra de água em garrafa plástica

201301031029030000009532Iniciativa quer reduzir resíduos plásticos em aterro de Concord.

Os habitantes de Concord, no estado de Massachussets, nos Estados Unidos, estão proibidos desde o dia 1º de janeiro de vender ou comprar água em garrafas de plástico de 1 litro, em uma iniciativa inédita tomada pelo governo local para aliviar o já congestionado aterro da região.
A medida, aprovada em abril de 2012, impõe uma multa de US$ 50 para aqueles que violarem a lei. O objetivo é ajudar a reduzir o número de garrafas de plástico no aterro, uma ideia que foi apresentada à população por um grupo de ativistas ambientais há três anos.

O líder da campanha é Jean Hill, de 80 anos, que prometeu em 2010 trabalhar incansavelmente para esta causa. Ele considera injusto “as empresas de água engarrafada estavam drenando nossos aquíferos e, depois nos vendendo”.

Outros argumentavam que a iniciativa não será eficaz, já que os moradores podem viajar para cidades vizinhas em busca do produto. Há empresas que já buscam vender a água em embalagens maiores que um litro — evitando o impacto da regra.

Em 2010, os EUA produziram 31 milhões de toneladas de resíduos plásticos, de acordo com dados oficiais da Agência de Proteção Ambiental do país.

G1