CMJP entrega Título de Cidadão Pessoense a empresário paraibano

título José nunes“Este Título de Cidadania que recebo, para mim, é o reconhecimento de um trabalho implantado na cidade há mais de trinta anos, com o apoio da sociedade pessoense e dos filhos do Alto Sertão da Paraíba”, foi o que declarou, sem esconder sua alegria e satisfação, o empresário José Nunes Diniz, natural de Santana de Mangueira, momentos antes de participar da sessão solene em que foi agraciado com o Título de Cidadão Pessoense. A autora da propositura foi a vereadora Raíssa Lacerda (PSD).

 

José Nunes fez questão de destacar, entre outros aspectos, que a população de João Pessoa e de sua terra natal nunca deixaram de acreditar no seu trabalho. “Eu me sinto fortalecido, pois este Título me encoraja mais ainda a defender, cada vez mais, o crescimento e o desenvolvimento da nossa cidade e do nosso estado. Sou muito grato por essa honraria”, afirmou o empresário, que foi, por duas vezes, prefeito de Santana de Mangueira.

 

O homenageado agradeceu à vereadora Raíssa Lacerda pela iniciativa e à Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), que, por unanimidade, aprovou a honraria. “Sou muito grato à vereadora por ter feito esta homenagem e a todos os outros parlamentares de João Pessoa”, reforçou. Ele aproveitou a ocasião para lembrar o amigo José Lacerda Neto, pai de Raíssa.

 

José Nunes participou da solenidade ao lado da esposa, Maria Delma de Figueiredo Nunes, e dos filhos, a médica Derlândia, as odontólogas Ediliane e Fabiana, os administradores José Nunes Filho e Janaína. “Todo o meu sucesso e tudo o que conquistei até hoje eu devo à minha esposa e aos meus filhos”, comentou.

 

Já a vereadora Raíssa Lacerda não poupou elogios ao empresário e mais novo cidadão pessoense. “Homem temente a Deus, sem inimigos políticos, um homem que vive como a Bíblia prega: com o suor do seu trabalho. Descrever José Nunes é descrever sua honradez, sua dedicação ao trabalho e à família”, destacou a parlamentar.

 

Ela ressaltou a importância que o empresário tem no cenário econômico do município e do Estado. “José Nunes é um empresário que investe no trabalhador, sendo responsável pela geração direta e indireta de 200 a 500 empregos, respectivamente, em onze empreendimentos. Quem trabalha no seu ramo de negócios é valorizado, respeitado e não quer mais sair”, disse. Na tribuna, Raíssa Lacerda também destacou, em um dos trechos do seu discurso, que o homenageado “é um ser humano que transmite e atrai os fluidos da capacidade, da honradez, do bom caráter, da dignidade e da coragem imensa de servir”.

 

Ainda conforme a vereadora, “a vida do empresário foi sempre guiada pela força de vontade e pela perspectiva de um futuro próspero e inovador”. Por fim, ela afirmou que a CMJP concede tal homenagem a José Nunes por reconhecer sua luta, dedicação, experiência pessoal, espírito humanitário e vivência de cidadão comprometido com o progresso e o desenvolvimento da cidade. “Fique certo, José Nunes, que João Pessoa, que já havia lhe acolhido com carinho, agora lhe abraça como filho querido, tendo certeza de que o senhor jamais irá decepcioná-la, pois o seu caráter e a sua história de vida não permitem, apenas engrandecem esse singular momento”, finalizou a vereadora.

 

O empresário recebeu várias outras homenagens. Entre elas, a do Coral da Câmara, regido pela maestrina Socorro Estrela, que cantou o Hino Nacional, o Hino de João Pessoa e a canção “Conquistando o Impossível” (apresentada por Paulo Brasil); além do sanfoneiro Pinto do Acordeon que, com Moisés na sanfona, Samuel no triângulo e Maguila no zabumba, cantou a música “Rainha do Vale” (de sua autoria), entre outras canções de forrozeiros conhecidos.

 

Um dos genros do ex-político, o advogado José Marinho de Sousa, esposo de Ediliane, ocupou a tribuna para ler sobre a vida e trajetória de José Nunes. Entre as autoridades presentes, estavam o ex-desembargador Nilo Ramalho; o jornalista e representante da Associação Paraibana de Imprensa (API), Padre Albenir Galdino; o advogado Carlos Eduardo, esposo de Janaína; a advogada Ana Cláudia Palitot, esposa de José Nunes Filho; o engenheiro Carlos Feitosa, esposo de Fabiana; a funcionária pública Estefânia Marinho; o empresário Antônio Erivaldo Diniz e seu pai, Antônio de Sousa Diniz; o ex-prefeito de Conceição, Rômulo Martildes; o ex-vereador de Conceição, Francisco Adonias Tavares; o empresário José Pereira, de Campina Grande; o poeta Nivaldo Magalhães; doutora Arlete Pereira; doutor Everaldo Nunes Ramalho; doutora Euclides Sá; o engenheiro Gilson Frade; além de outros familiares e amigos.

 

Paulo de Pádua