CMJP realiza uma audiência pública, uma sessão solene e três especiais esta semana

camara de JOÃO PESSOA 0009A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), no período de 23 a 27 de maio, vai realizar três sessões especiais, uma audiência pública e uma sessão solene. De acordo com o Cerimonial da Casa, acontece mais uma discussão em torno da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o exercício financeiro de 2017, eventos alusivos a temas importantes para sociedade e homenagens.

Na segunda-feira (23), às 9h30, acontece a quinta audiência pública da LDO 2017. Apresentarão suas prioridades a Secretaria das Finanças (Sefin); Secretaria de Administração (Sead); Secretaria da Receita Municipal; Instituto de Previdência do Município (IPM); Controladoria-Geral do Município (CGM); Coordenadoria Municipal de Proteção de Defesa Civil de João Pessoa (Compdec-JP); Secretaria Municipal de Turismo (Setur) e Fundo Municipal de Turismo; Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP); e Fundo Municipal de Defesa dos Direitos Difusos do Consumidor; Secretaria do Trabalho, Produção e Renda; e Gabinete de Comunicação Social (Secom-JP).

O presidente da Comissão de Finanças, Orçamento, Obras e Administração Pública (CFO) da CMJP, vereador Dinho (PMN), ratifica o convite à sociedade para participar das discussões sobre as prioridades e metas da LDO 2017. Ele ainda ressalta que a população pode sugerir prioridades através dos gabinetes dos vereadores. O prazo final para a entrega das emendas é 6 de junho, até às 17h, no gabinete do relator da matéria, vereador Benilton Lucena (PSD) na CMJP.

Ainda na segunda-feira (23), às 15h, também no Plenário da CMJP, acontece uma sessão especial alusiva à “Semana do Bebê”, uma propositura do vereador João Almeida (SD).

A Semana do Bebê é um movimento intersetorial e interdisciplinar de valorização da primeiríssima infância no âmbito do Município. Ela propõe a realização articulada de inúmeras atividades nos serviços e espaços públicos e privados. O criador dessa mobilização foi o pesquisador, professor e médico psiquiatra Salvador Célia, que dedicou parte de sua vida a estudar e promover ações de cuidado com bebês e crianças. A primeira Semana do Bebê foi realizada no município de Canela (RS), em 2000. Na Capital paraibana, o evento foi instituído em 2015, através de propositura do vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD).

“Maio Amarelo” e Metodismo Wesleyano

Duas sessões especiais serão realizadas na terça-feira (24). Uma, às 13h, em conjunto com a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), em alusão ao “Mês do Trânsito” – o Maio Amarelo. O evento, que foi proposto pelo vereador Raoni Mendes (DEM) e pelo deputado estadual Caio Roberto, vai acontecer no plenário da ALPB. Outra, às 15h, em alusão ao Dia do Metodismo Wesleyano. A propositura tem autoria do vereador Helton Renê (PCdoB) e acontece no Plenário da CMJP.

O movimento “Maio Amarelo” é uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade civil, com a intenção de colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos – órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada – para efetivamente discutir o tema, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

O Movimento Metodista teve início na Inglaterra, no começo do século XVIII, quando um grupo de estudantes da Universidade de Oxford, sob a liderança dos irmãos e professores John e Carlos Wesley, passaram a se reunir para o cultivo da piedade cristã, através da leitura da Bíblia, da prática da oração, do jejum, da visita aos presos e aos enfermos. John Wesley iniciou o Metodismo com o intuito de fortalecer e renovar o espírito cristão daqueles que comungavam junto à religião oficial Anglicana. O envolvimento do Metodismo com as questões relevantes da sociedade é uma marca que o acompanha desde seu início. A humanização dos presídios, o combate à escravidão, a luta por salários dignos para os operários, o fornecimento de ensino básico para as crianças pobres, distinguiram os metodistas quando ocorreu a assim chamada Revolução Industrial, na Inglaterra.

Homenagem aos “Queirogas”

Encerrando os eventos da semana, está prevista uma sessão solene, às 15h da quarta-feira (25), para outorga do Titulo de Cidadão Pessoense ao cardiologista Antônio Queiroga Lopes (in memorian), ao desembargador Antônio Elias de Queiroga e ao juiz Onaldo Rocha de Queiroga. A propositura da solenidade foi do vereador Marco Antônio (PHS).