Com menos gente e mais organizado, protesto em João Pessoa tem batuque e promete resistir - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Com menos gente e mais organizado, protesto em João Pessoa tem batuque e promete resistir

201306270701460000006031Mais o protesto em João Pessoa aconteceu sem atos de vandalismo ou violência. Com menos gente do que o primeiro na semana passada, porém mais organizado, a manifestação contou com um grupo de percussão formado por mulheres que puxavam cantos e palavras de ordem.

Apesar do mote principal ser ainda a redução das tarifas e o passe livre para todos os estudantes (em João Pessoa, os alunos da rede municipal de ensino já tem passe livre), outros vários temas foram expostos em cartazes e faixas.

De reforma política, passando pela não privatizado dos Correios, pela PEC 300, contra Cura Gay e até a favor da Telexfree e contra apresentadores de TV, existiam manifestações.

Cadeirantes e crianças acompanhadas dos pais também participaram do protesto.

O protesto se concentrou no Lyceu Paraibano, passou pela Lagoa do Parque Solon de Lucena, pela CBTU, Integração e no Paço Municipal, sede do governo da Capital, eles parara e cantaram, antes de seguir.

Marcos Wéric